app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5714
Caderno B

Confira as previsões dos búzios, tarô e numerologia para o ano de 2023

Babalorixá Pai Gigi diz que novo ano será de desafios e muito trabalho; taróloga faz alerta para chuvas intensas em Maceió

Por Maylson Honorato | Edição do dia 02/01/2023 - Matéria atualizada em 02/01/2023 às 16h24

Dominar a arte da adivinhação é um dos mais antigos desejos de todas as civilizações. Para muitas crenças, costumes e culturas, no entanto, prever o futuro é uma realidade. Com isso, as cartas de tarô, os búzios e a numerologia desvendaram um pouco do que está reservado para 2023. Será um ano novo de progresso e oportunidades? Bom, vamos descobrir.


De acordo com o babalorixá alagoano Pai Gigi, que há 15 anos joga búzios, os próximos doze meses serão guiados por Exu, a divindade da comunicação e dos caminhos para os religiosos de matriz africana. A entidade tem a energia da organização, da disciplina e do caráter, mas também representa a vaidade e as disputas.


“Por isso, primeiro, será um ano de objetividade. Todo ano é baseado no positivo e no negativo e, em 2023, não será diferente. Não será um ano só de coisas boas, mas também de muitas más interpretações e dificuldades. Vamos dizer que será um ano pau a pau, ou você ganha tudo ou perde tudo”, inicia Pai Gigi, que é da tradição Ketu e da casa Ilê Maroketú Asé Iyá Ogùnté.


“2023 é um período de estradas. O que você tiver de alcançar, você vai alcançar. É ano de dificuldade, apesar de orixás ricos. O caminho, a direção e a riqueza regem este ano. Mas é preciso objetividade”, diz.



O que dizem os búzios?

 

Maceió, 26 de dezembro de 2022
Pai Gigi - Pai de Santo jogando buzios para previsões de 2023. Alagoas - Brasil.
Foto:@Ailton Cruz
Maceió, 26 de dezembro de 2022 Pai Gigi - Pai de Santo jogando buzios para previsões de 2023. Alagoas - Brasil. Foto:@Ailton Cruz - Foto: @Ailton Cruz
  

ALAGOAS

“Alagoas terá um ano de limitações. O Estado ainda sofrerá com um grande número de desempregados. Não será um ano totalmente próspero, mas será um ano possível”, afirma o religioso, após consultar os búzios.


Pai Gigi também jogou para saber do governo de Paulo Dantas, que começa neste dia 1º de janeiro de 2023.


“Apesar de o Estado enfrentar esse período de desequilíbrio, as melhorias aparecerão do meio do mandato para lá. As dificuldades existirão, mas ele conseguirá vencer as limitações financeiras e deve fazer um bom governo”, afirma.


BRASIL

Quem também estabelece um novo ciclo no país é o presidente eleito Luiz Inácio Lula da Silva. Em relação ao presidente Lula, o babalorixá diz que o novo ano exigirá objetividade. “As limitações que existirão em Alagoas, também existirão no Brasil. Principalmente as financeiras e que envolvem a pandemia de Covid-19”, prevê. “Ainda não há perspectiva de fim para a pandemia”, completa.


CSA

Após um ano tão difícil, a esperança da torcida azulina é que a temporada de 2023 seja cercada por vitórias e o retorno do Azulão para a série B. Os búzios dizem sim para o desejo da torcida.

“O CSA viverá dias melhores, temos melhorias. Ele vai dar uma levantada, vai subir este ano”, diz Pai Gigi.


CRB

Do outro lado está o Galo, que terá um ano de estabilidade. Nem bom, nem ruim. “Já o CRB, não vejo um avanço, mas também não tem queda. De zero a dez, eu diria que o CRB terá um ano 5”.


CONSELHOS

Segundo Pai Gigi, que lidera uma casa de axé no bairro Eustáquio Gomes, em Maceió, o ano regido por Exu é também regido por Iemanjá. 

“Exu é o senhor da alegria, é divertido, além de ser o senhor da comunicação. Ele não olha para a tristeza, ele nem vê a tristeza. Então, como vivemos um período de muita preocupação com questões como depressão e saúde mental, eu aconselho que, quem puder, se desprenda do que o mantém em uma situação de tristeza. É difícil se desprender? É, pois todo desprendimento é um abri mão de alguma coisa. Mas este ano é para se desprender, seja de um relacionamento ou de um vício, de tudo que te leva pra frente”, diz o babalorixá.


O religioso aconselha virar o ano com a pontinha de uma folha de akoko, erva sagrada para as religiões de matriz africana, na boca. Além disso, vale colocar uma folha de louro amassada no cos da roupa ou em um bolso.


“Esse ano não é ano de pular ondinhas. Esse ano é de pegar uma moeda, passar no corpo e jogar na estrada, pedindo caminhos e boa direção aos senhores regentes deste ano”, finaliza Pai Gigi.



O que revelam as cartas? 

 

Maceió, 29 de dezembro de 2022
Mãe Graça, joga Taro e ver Previsões para o ano 2023. Alagoas - Brasil.
Foto:@Ailton Cruz
Maceió, 29 de dezembro de 2022 Mãe Graça, joga Taro e ver Previsões para o ano 2023. Alagoas - Brasil. Foto:@Ailton Cruz - Foto: @Ailton Cruz
  

Há 20 anos trabalhando com jogos de cartas, Mãe Graça de Oxum é especialista em tarô e baralho cigano. Ela diz que qualquer pessoa pode consultar as cartas para saber o que o futuro reserva e também descobrir mais de si mesmo.


“As cartas mostram que 2023 será um ano desafiador, principalmente na esfera política. As tensões vão continuar por algum tempo. Mas vejo que o ano, no setor político, também será de mudanças positivas para melhorar a vida da população”, afirma a ialorixá.


A carta que vai reger o ano é chamada de O Carro. A especialista diz que tem a ver com a necessidade de movimento e traz boas vibrações para 2023.


“O interessante é que está saindo junto com a carta da comunicação. Na minha interpretação, é como se fosse surgir alguma nova tecnologia, aplicativo ou rede social de comunicação. Algo que vai nos fazer voltar os olhos para essa área”, completa.



SAÚDE

“Entre as preocupações que o jogo mostra está a saúde pública. Teremos um ano com números ainda maiores de casos de dengue e outras doenças provocadas pelo mosquito. Talvez a população tenha esquecido a cultura da prevenção”, diz Mãe Graça ao virar as cartas.


“Em relação à pandemia de Covid, ainda haverá duas ou três ondas, ainda vamos perder mais algumas pessoas. É preciso que a conscientização da importância da vacina, a ideia de se preocupar consigo, mas também com o outro, volte. As pessoas deveriam ter aprendido mais sobre isso durante a pandemia”, afirma.


FINANÇAS

“Financeiramente, 2023 será um ano para se adaptar. No começo, teremos que nos adaptar ao aumento de alguns preços, os reajustes. Mas temos boas perspectivas nesse setor no decorrer do ano. A gente vai voltar a ter poder de compra e investir. Mas só depois dessa retração, que vai durar até o meio do ano. Deverá ser também um ano de muito trabalho”, prevê Mãe Graça.


MORTE DE FAMOSO

Nas cartas, Mãe Graça diz que previu a morte de alguém famoso e que terá impacto em todo o país. “O jogo mostra a morte de alguém famoso da área de comunicação. Sempre temos uma previsão assim, mas é que sai mesmo, é uma forma de nos preparar para essa perda”, revela.


ALAGOAS

“As cartas mostram que haverá embates desnecessários entre o governo do Estado e a prefeitura de Maceió, em áreas nas quais seria melhor que eles trabalhassem juntos. Mas temos perspectivas positivas em relação ao emprego e renda, mas partir do meio do ano.”


GOVERNO LULA

“O governo Lula enfrentará desafios, mas isso não impedirá que as mudanças aconteçam. Apesar dessas dificuldades e de toda a oposição, ele conseguirá levar coisas importantes para votação no Congresso e conquistar muito crescimento para o nosso país.”


MACEIÓ EM ALERTA

“De modo geral, as cartas alertam para condições climáticas intensas em Maceió. Isso exige muita atenção do governo municipal, principalmente em bairros afetados pelo afundamento do solo. As pessoas que ainda moram nesses bairros devem redobrar a atenção, pois provavelmente a situação irá piorar. Teremos chuvas intensas em Maceió e um inverno rigoroso. Por outro lado, vejo uma tecnologia de ponta que será usada para lidar com essas situações.”



Numerologia: 2023 será um ano para se aprimorar, casar e trabalhar muito

 

Maceió, 27 de dezembro de 2018
Numerologia para 2019 com Iolanda Holanda. Conj Santo Eduardo, Rua Lauro Leite Matins, 45, Maceio - AL.
Foto: ©Itawi Albuquerque
Maceió, 27 de dezembro de 2018 Numerologia para 2019 com Iolanda Holanda. Conj Santo Eduardo, Rua Lauro Leite Matins, 45, Maceio - AL. Foto: ©Itawi Albuquerque - Foto: Itawi Albuquerque
  

Para Iolanda Holanda - ou Yho, os mistérios do universo e do futuro estão nos números. Sobre o que nos espera em 2023, a alagoana faz cálculos e defende que a numerologia é uma ciência sagrada e exata. “É sagrada, pois está na Bíblia. Exata, pois seguimos a tabela pitagórica”, afirma.

“2023 = 2 + 0 + 2 + 3 = 7”. É assim que começam os cálculos de Iolanda Holanda, maior referência local em numerologia. “Sete (7), o número da perfeição”, revela. Para ela, 2023 será um ano para buscar aperfeiçoamento nos âmbitos profissional, pessoal e espiritual.  “É um ano mais para análise do que para expansão. Não vai ser tão fácil, conseguir grana para fazer o que quiser ou que entender, e sim é um ano para sistematizar, se organizar e administrar o que se tem”, afirma.


Para quem trabalha com agricultura e mineração, no entanto, será um ano mais farto. “Este ano, muitos procurarão fazer meditação e introspecção, na finalidade de encontrar conforto espiritual. Haverá mais encontros, seminários, palestras, na finalidade de conhecer melhor o Criador do Universo”, diz a numeróloga.



Brasil e Maceió, 6


Tanto o Brasil quanto a capital de Alagoas, Maceió,  têm o ano pessoal no número seis em 2023. Segundo Iolanda Holanda, isso significa um ano pobre para construir ou envolver-se em projetos novos. Por outro lado, será um excelente ano para se casar. 

“É um ano de interesse centralizado no lar e na comunidade. Com certeza enfrentará muitas responsabilidades e deveres, como pandemias, enchentes e desempregos. Aos políticos que assumirem, ter muito cuidado em suas ações, palavras, direcionamentos, porque pode haver perda de repercussão”, alerta.


A meta dos brasileiros e dos maceioenses em 2023, segundo Yho, deve ser recuperar a capacidade de ter empatia e de praticar a reciprocidade. 


“Doar amor e bondade, daí se pode receber em dobro porque é um ano impessoal. Ano pessoal = 6 acordo Ar. Ano universal = 6 acordo Ar.  Trata-se de Ar e Ar. O Brasil neste ano 2023, está nas graças de Deus, está em harmonia com o Universo. O Brasileiro pode se vestir de qualquer matiz da cor azul. A cor azul representa o trabalho e a prosperidade, antisséptica, e habitação angelical”, defende.


Alagoas, 5

Iolanda Holanda diz que o ano de 2023 para os alagoanos será de mudanças. O conselho da especialista é que se invista no marketing pessoal e em si próprio. “Volte a estudar, reciclar, pós, mestrado etc., só não vale ficar ocioso, será péssimo. Precisa ocupar a mente com algo que enriqueça o seu ‘eu’, no seu dia a dia”, diz.

“É um ano excitante, cheio de novidades, mudanças, inquietações, desassossego e progresso. Você vai querer substituir ideias velhas por novas pode ser bom. Portanto, não se precipite. É um ano favorável à viagem, mudar ou fazer algo diferente”, completa.

A numeróloga explica que o número pessoal de Alagoas é o 5, acordo água, enquanto o ano universal é 6, acordo ar. 

“Isso quer dizer que não se pode esquecer que ar com água, na prática, pode causar verdadeiro tsunami no dia a dia. Ter muito cuidado, ser cauteloso, usar bom senso e meditar. Volte para sua igreja!”, aconselha Iolanda.

“A cor para o réveillon é azul claro. Para o ano inteiro, pode-se usar as tonalidades do azul”, completa.

Mais matérias
desta edição