app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5715
Cidades

Comiss�o de vereadores inspeciona Sta. M�nica

O corte no fornecimento de oxigênio para a Maternidade Santa Mônica foi debatido durante a sessão de ontem, da Câmara Municipal de Maceió. O fato trazido ao plenário da Casa, pela vereadora Rita Correia, chamou a atenção dos demais parlamentares que criar

Por | Edição do dia 13/09/2002 - Matéria atualizada em 13/09/2002 às 00h00

O corte no fornecimento de oxigênio para a Maternidade Santa Mônica foi debatido durante a sessão de ontem, da Câmara Municipal de Maceió. O fato trazido ao plenário da Casa, pela vereadora Rita Correia, chamou a atenção dos demais parlamentares que criaram uma comissão para visitar a Maternidade e analisar o grau de comprometimento do funcionamento do hospital com a falta do oxigênio. A comissão, composta pelos vereadores Delane Tadeu (PSDB), Joab Nicácio (PSB), George Sanguinetti (PT do B), França Moura (PPB), Rita Correia (PSC) e Neném Brêda (PSB) comparece hoje, às 10h, na Maternidade e na próxima terça-feira, em Sessão Extraordinária, o tema voltará a ser debatido em plenário. Para o vereador, e também médico ginecologista e obstetra, Joab Nicácio, o corte no fornecimento de oxigênio para a Santa Mônica pode comprometer drasticamente o atendimento. “A Santa Mônica é uma maternidade que atende as gestantes com gravidez de alto risco, e em procedimentos como esse não se pode de maneira alguma faltar oxigênio”, afirmou Joab Nicácio, revelando que é preciso averigüar se este fato realmente é verídico para depois se posicionar.

Mais matérias
desta edição