app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5717
Cidades

Macei� ter� comit� para evitar epidemia de dengue no ver�o

A Secretaria Municipal de Saúde vai criar o Comitê Municipal de Combate à Dengue, com objetivo de avaliar as condições da cidade para enfrentar a ameaça de epidemia da doença no próximo verão. Os trabalhos serão intensificados a partir do início de novemb

Por | Edição do dia 22/10/2002 - Matéria atualizada em 22/10/2002 às 00h00

A Secretaria Municipal de Saúde vai criar o Comitê Municipal de Combate à Dengue, com objetivo de avaliar as condições da cidade para enfrentar a ameaça de epidemia da doença no próximo verão. Os trabalhos serão intensificados a partir do início de novembro. Segundo o secretário Adeilson Loureiro, a situação da dengue em Maceió está sob controle, embora os índices precisem melhorar. Para ele, a maior preocupação é com o grande número de imóveis fechados. “Os agentes detectam até 20% do número de imóveis da cidade fechados, quando o índice normal seria de 6%”, diz. Sem entrar nas residências, o trabalho dos agentes de saúde para combater os criadouros do mosquito Aedes, transmissor da dengue, fica prejudicado. A participação da população, enfatiza Adeilson, é de fundamental importância para vencer a guerra contra o mosquito e destacou que os trabalhos educativos, feitos pelos agentes, têm surtido efeitos positivos. “Em 1999, os focos do mosquito encontrados nas casas visitadas chegavam a 91,69%, com a ação educativa, esse índice baixou para 82%, mas ainda precisamos baixar mais. Este ano a Secretaria Municipal de Saúde tomou como estratégia no combate à dengue intensificar as atividades de conscientização sobre as doenças junto aos estudantes das escolas públicas e privadas. A idéia é trabalhar com cerca de 300 escolas envolvendo um universo de 200 mil estudantes. Cada aluno atuará como inspetor de sua própria residência.

Mais matérias
desta edição