app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5749
Cidades

Defesa Social faz balan�o de gest�o em reuni�o da Fiea

A 10ª reunião mensal da Federação das Indústrias do Estado de Alagoas (Fiea), em 2002, realizada ontem, contou com a participação do secretário de Defesa Social, Antônio Arecippo. Convidado pelo presidente da Fiea, José Carlos Lyra de Andrade, o secretári

Por | Edição do dia 01/11/2002 - Matéria atualizada em 01/11/2002 às 00h00

A 10ª reunião mensal da Federação das Indústrias do Estado de Alagoas (Fiea), em 2002, realizada ontem, contou com a participação do secretário de Defesa Social, Antônio Arecippo. Convidado pelo presidente da Fiea, José Carlos Lyra de Andrade, o secretário fez um relato de sua administração na SDS, que completou 11 meses, e respondeu a questões formuladas pelo empresariado alagoano sobre a política estadual de segurança pública. “Nosso convite teve como objetivo saber as ações e estratégicas que estão sendo executadas para o combate à violência, em suas diversas formas, e para a segurança do povo alagoano”, disse o empresário José Carlos Lyra. Inicialmente, Arecippo revelou as dificuldades que teve para gerenciar o setor. Admitiu que muitos problemas são resultantes dos vícios que ainda existem na estrutura policial, principalmente na Polícia Civil. “Encontramos inúmeras irregularidades. Até uma extensão de telefone da delegacia instalado na casa da namorada do delegado”, ilustrou o secretário. Na “conversa com o empresariado”, como definiu sua participação na reunião da Fiea, Arecippo afirmou que tem enfrentado reação às mudanças que vem promovendo, mas que pode, ao final desses 11 meses, apresentar resultados positivos. O quadro de sucateamento da Polícia Civil e das delegacias está sendo vencido, garante ele, admitindo que ainda há muito por fazer. Arecippo entregou ao presidente da Fiea um relatório com informações sobre como foram aplicados recursos da dotação orçamentária da SDS.

Mais matérias
desta edição