app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5718
Cidades

Mosquito transmissor da dengue tipo tr�s pode chegar a Alagoas

A Secretaria de Estado da Saúde (Sesau) revelou, ontem, que já são 557 os casos notificados de dengue clássica e 179 confirmados. Quanto as nove suspeitas de dengue hemorrágica ainda não houve confirmação, o que deve acontecer dentro de 20 dias. A Sesau

Por | Edição do dia 28/02/2002 - Matéria atualizada em 28/02/2002 às 00h00

A Secretaria de Estado da Saúde (Sesau) revelou, ontem, que já são 557 os casos notificados de dengue clássica e 179 confirmados. Quanto as nove suspeitas de dengue hemorrágica ainda não houve confirmação, o que deve acontecer dentro de 20 dias. A Sesau convocou os secretários municipais de saúde para avaliar o plano de prevenção da doença, para descobrir as falhas que resultaram no aparecimento, em alta demanda, de dengue clássica. A preocupação, entretanto, é com a quantidade de pacientes com sintomas do problema. A reunião com os secretários acontecerá na segunda-feira, dia 4, no Hotel Meliá. No mesmo período do ano passado foram registrados cerca de 220 casos. Até agora os municípios com maior número de doentes são Maceió, com 169 notificados, Atalaia, com 38 e Maragogi, com 24. Todas as casas da orla marítima de Maceió e da região do 1º Distrito Sanitário (de Ipioca ao Centro), serão visitadas por agentes de saúde. Durante as visitas casa a casa, um carro de coleta acompanhará a equipe para recolhimento de todo o lixo retirado das residências visitadas. Os casos de dengue registrados em Maceió já preocupam vereadores da Câmara Municipal de Maceió (CMM). Amanhã, às 10h, no plenário da CMM será realizada uma sessão pública, onde haverá debate sobre as ações de combate ao mosquito na Capital, como também as providências tomadas pela Secretaria Municipal de Saúde para evitar uma epidemia, como aconteceu em algumas capitais brasileiras.

Mais matérias
desta edição