app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5750
Cidades

Simula��o de acidente

O Corpo de Bombeiros Militar realizou ontem de manhã, no estacionamento de Jaraguá, uma operação simulada de resgate a sete vítimas - uma delas carbonizada - de um engavetamento, envolvendo três veículos, um deles destruído pelo fogo. A simulação fe

Por | Edição do dia 30/11/2002 - Matéria atualizada em 30/11/2002 às 00h00

O Corpo de Bombeiros Militar realizou ontem de manhã, no estacionamento de Jaraguá, uma operação simulada de resgate a sete vítimas - uma delas carbonizada - de um engavetamento, envolvendo três veículos, um deles destruído pelo fogo. A simulação fez parte do encerramento da IV Semana de Alerta e Preparação para Emergências (SIPAT), que se realizou durante toda a semana, no auditório da Federação das Indústrias. A operação, que atraiu um grande número de curiosos, além de participantes do Sipat, contou com o apoio de um helicóptero e militares do CB de Minas Gerais, que participam em Maceió de um encontro sobre segurança de vôo. Para a operação simulada foram mobilizados 25 militares do Corpo de Bombeiros, além de uma viatura de combate à incêndio e duas unidades de resgate. Segundo o capitão José Orisvaldo Lima, toda a operação deveria durar, no máximo, 60 minutos, desde o acionamento das viaturas de resgate, de combate a incêndio e o helicóptero até o local do acidente. A operação também teve o apoio de Policiais do Batalhão de Trânsito e da Superintendência Municipal de Transporte e Trânsito. Muitas pessoas que não estavam informadas sobre a simulação chegaram a pensar que se tratava de uma situação real. O que mais chamou atenção foram as manobras de resgate realizadas pelos componentes do CB de Minas Gerais, com o uso de um helicóptero. O show de perícia do bombeiros mineiros aconteceu antes do início da simulação do acidente, que começou com mais de duas horas de atraso.

Mais matérias
desta edição