app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 0
Cidades

Governo n�o libera recursos e obras de nova unidade est�o paradas

Uma nova unidade da Casa de Custódia, que iria ajudar a desafogar as unidades da Polícia Civil e o sistema prisional alagoano, começou a ser construída, há mais de quatro anos. Apesar de terem sido iniciadas, as obras estão paradas. O novo local, que dev

Por | Edição do dia 16/08/2014 - Matéria atualizada em 16/08/2014 às 00h00

Uma nova unidade da Casa de Custódia, que iria ajudar a desafogar as unidades da Polícia Civil e o sistema prisional alagoano, começou a ser construída, há mais de quatro anos. Apesar de terem sido iniciadas, as obras estão paradas. O novo local, que deverá abrigar presos que aguardam a liberdade ou a transferência para sistema prisional, começou a ser construído atrás do prédio onde funciona a Delegacia da Mulher, no conjunto Cleto Marques Luz, no Tabuleiro do Martins. O local teria capacidade para receber cerca de 100 presos. O juiz da Vara de Execuções Penais, José Braga Neto, conta que, há muito tempo, disponibilizou mão de obra carcerária para que a obra fosse concluída, mas que até agora não houve solicitação por parte da direção-geral da Polícia Civil.

Mais matérias
desta edição