app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5729
Cidades

Reflorestamento devolveu vida a pequeno trecho de mata atl�ntica

DIVULGAÇÃO O anumará é uma das espécies que ocorrem na região A ornitóloga criou a Associação Nordesta, cujo trabalho recebeu o apoio de proprietários de terra, políticos, ambientalistas, da população local, da comunidade científica internacional, do

Por | Edição do dia 07/06/2015 - Matéria atualizada em 07/06/2015 às 00h00

DIVULGAÇÃO O anumará é uma das espécies que ocorrem na região A ornitóloga criou a Associação Nordesta, cujo trabalho recebeu o apoio de proprietários de terra, políticos, ambientalistas, da população local, da comunidade científica internacional, do cantão de Genebra, de 42 cidades que o integram e de financiadores europeus. “Foi um milagre”, diz Anita. A mobilização não só preservou, como recuperou e ampliou a mata. Cerca de 1,5 milhão de árvores foram plantadas nas últimas três décadas. Agora, um novo patrocínio da empresa de cosméticos francesa, Coudalie, vai garantir o plantio de mais 1 milhão de árvores nos próximos três anos. As primeiras mudas já estão prontas e devem ir ao solo nos próximos dias, assim que der um período de chuva contínuo na região. Até o final do ano, serão 300 mil novas integrantes da mata, entre ipês, muricis, ingás, jatobás, angicos, cedros, mungubas e tantas outras, com a infinidade de vidas agregadas sob suas copas. O projeto de reflorestamento prevê a criação de quatro corredores ecológicos, ampliando a extensão da mata em direção a reservatórios de água da região e às margens de rios como o Paraíba do Meio, Mundaú e seus afluentes.

Mais matérias
desta edição