app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5735
Cidades

Estado pode perder equipamentos

Alagoas não vem cumprindo a Resolução 432 do Conselho Nacional de Trânsito (Contran), que obriga a realização de exames de alcoolemia em mortos por acidente de trânsito, segundo informa o Ministério do Trabalho e Emprego (MTE). Por causa do não funcionam

Por | Edição do dia 30/07/2015 - Matéria atualizada em 30/07/2015 às 00h00

Alagoas não vem cumprindo a Resolução 432 do Conselho Nacional de Trânsito (Contran), que obriga a realização de exames de alcoolemia em mortos por acidente de trânsito, segundo informa o Ministério do Trabalho e Emprego (MTE). Por causa do não funcionamento do Laboratório de Toxicologia, unidade que deveria existir no Instituto de Criminalística (IC), os 47 equipamentos chamados cromatógrafos gasosos, próprio para examinar vestígios biológicos e capazes de identificar substâncias como o álcool no sangue de uma pessoa morta, estão encaixotados. O exame ajudaria a elucidar os acidentes, responsabilizando os reais culpados. Num atropelamento de um ciclista alcoolizado, por exemplo, o teste de alcoolemia feito na vítima e no condutor do automóvel daria agilidade à investigação e eliminaria dúvidas quanto ao responsável pelo acidente.

Mais matérias
desta edição