app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5736
Cidades

Feira leva consumidores � Pra�a da Faculdade

Toneladas de alimentos vindos de todos os municípios alagoanos estão em um só lugar: Praça da Faculdade, no Prado, em Maceió. Cerca de 300 produtores rurais participam até o próximo sábado, 5, da 16ª Feira da Reforma Agrária promovida pelo Movimento dos T

Por | Edição do dia 03/09/2015 - Matéria atualizada em 03/09/2015 às 00h00

Toneladas de alimentos vindos de todos os municípios alagoanos estão em um só lugar: Praça da Faculdade, no Prado, em Maceió. Cerca de 300 produtores rurais participam até o próximo sábado, 5, da 16ª Feira da Reforma Agrária promovida pelo Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST). Do ramalhete de coentro a galinhas vivas, de tudo é comercializado no local, com preços atrativos para os consumidores. Além da feira, durante todas as noites há apresentações culturais, entre elas o cantor e compositor Geraldo Cardoso, que realiza o show de encerramento. De acordo com o líder do MST em Alagoas, Zé Roberto, a perspectiva deste ano é de superar o recorde registrado em 2014, quando foram comercializadas mais de 300 toneladas de alimentos. “Já no primeiro dia, vemos uma movimentação intensa da população local. Até o sábado, esperamos que melhore ainda mais. Com certeza vamos superar 2014 e estabelecer uma nova meta, pois este ano os preços estão mais acessíveis. Apesar da seca que nos atingiu, os produtores fizeram questão de colocar os preços lá em baixo (sic)”. Alguns exemplos de alimentos que podem ser encontrados no local são: macaxeira, a R$ 2/quilo; banana, por R$ 2/dúzia; abóbora, por R$ 6/unidade, milho, por R$ 0,50/espiga, e outros produtos.

Mais matérias
desta edição