app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5730
Cidades

Menores infratores fazem motim

Revoltados após uma abordagem feita por agentes de medidas socioeducativas, ontem, menores infratores atearam fogo em colchões e tentaram escapar da Unidade de Internação Provisória (UIP), localizada no bairro do Clima Bom, em Maceió. Um monitor ficou fer

Por | Edição do dia 08/09/2015 - Matéria atualizada em 08/09/2015 às 00h00

Revoltados após uma abordagem feita por agentes de medidas socioeducativas, ontem, menores infratores atearam fogo em colchões e tentaram escapar da Unidade de Internação Provisória (UIP), localizada no bairro do Clima Bom, em Maceió. Um monitor ficou ferido levemente. Segundo a assessoria de comunicação da Secretaria de Estado de Prevenção à Violência (Seprev), o princípio de motim aconteceu após os agentes evitarem a entrada de drogas na unidade. Os socioeducandos entraram nos alojamentos, pegaram alguns colchões e queimaram. Um dos monitores que estavam próximos ao incêndio teve queimadura no braço, sendo atendido pelos médicos da própria unidade, sem que precisasse ser encaminhado para um hospital. Os menores que se envolveram na confusão foram separados dos demais e conduzidos, em seguida, para a Central de Flagrantes, no bairro do Farol, para serem ouvidos pela equipe plantonista. “Este é um procedimento padrão estabelecido pelo Sistema Nacional de Atendimento Socioeducativo (Sinase), que, juntamente com a Comissão de Avaliação Disciplinar (Cad), irá informar as medidas disciplinares que serão tomadas para a correção desses atos”, informou a superintendente de Assistência Socioeducativa, Elizabeth Kümmer, por meio da assessoria. De acordo com a Seprev, uma sindicância será instaurada para apurar as circunstâncias do fato.

Mais matérias
desta edição