app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5736
Cidades

Manifestantes promovem ‘apita�o’ na universidade

Ontem pela manhã, mais uma vez servidores técnico-administrativos em greve voltaram a realizar manifestação no campus da Ufal, em Maceió. Os manifestantes fizeram um “apitaço” e percorreram diversos setores, inclusive o prédio da Reitoria. O barulho dific

Por | Edição do dia 11/09/2015 - Matéria atualizada em 11/09/2015 às 00h00

Ontem pela manhã, mais uma vez servidores técnico-administrativos em greve voltaram a realizar manifestação no campus da Ufal, em Maceió. Os manifestantes fizeram um “apitaço” e percorreram diversos setores, inclusive o prédio da Reitoria. O barulho dificultou o trabalho dos que não aderiram à greve – aqueles que têm cargos de chefia e gratificação. A intenção é intensificar o movimento e levar o governo federal a negociar com as categorias. Segundo o presidente do Sindicato dos Trabalhadores da Ufal (Sintufal), Jeamerson Santos, as manifestações ocorriam simultaneamente em todo o País. Os grevistas têm reunião com representantes dos ministérios da Educação e do Planejamento e Orçamento. Vão apresentar uma contraproposta ao que foi apresentado pelo governo. A contraproposta é de reajuste salarial de 15%, divididos em dois anos. No início da greve, as categorias pediam aumento de 27,3%. O governo ofereceu 21,3%, divididos em quatro anos.

Mais matérias
desta edição