app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5718
Cidades

Moradores do Prado est�o sem �gua h� dois meses

Moradores do bairro do Prado, principalmente das ruas Álvaro Marinho (antiga São Francisco), Caramurus e Piauí estão reclamando que há quase dois meses falta água naquela localidade e fazem um apelo à Companhia de Abastecimento D’Água e Saneamento de Alag

Por | Edição do dia 15/03/2002 - Matéria atualizada em 15/03/2002 às 00h00

Moradores do bairro do Prado, principalmente das ruas Álvaro Marinho (antiga São Francisco), Caramurus e Piauí estão reclamando que há quase dois meses falta água naquela localidade e fazem um apelo à Companhia de Abastecimento D’Água e Saneamento de Alagoas (Casal), para que resolva a situação o mais rápido possível, pois, segundo eles, “ninguém agüenta mais tanto descaso”. “Já ligamos para a Casal e ninguém toma uma providência e nem dá explicação alguma. Hoje (ontem) começaram a cavar um buraco para fazer umas interligações dos canos antigos com os novos. Acredito, porém, que esse serviço não vai resolver nada, porque os canos estão velhos e entupidos”, reclamou a dona de casa Nilda Lopes de Almeida, que reside na Rua Piauí. Segundo ela, em quase todas as ruas do bairro o problema da falta de água está acontecendo. “Nas casas onde tem água a corrente é tão fina que mal dá para encher um balde”, observou. O aposentado Eufrásio Ângelo da Silva, residente na Rua São Francisco, disse que toda meia-noite coloca baldes e bacias para encher a fim de poder usar a água ao amanhecer. “Toda noite é essa obrigação e, mesmo assim, nesse horário, quando a água corre ainda é muito fina”, lamentou. O diretor de Operações da Casal, Wallace Padilha, explicou que o órgão está fazendo o trabalho de interligação dos canos no local, para verificar realmente se vai surtir o efeito desejado.

Mais matérias
desta edição