Nº 4227
Cidades Estudantes retomam revisões para o Enem, agora com foco em matemática e ciências

Candidatos encaram segunda etapa do Enem neste domingo

Estudantes fizeram a revisão final durante a semana, com foco nas questões de matemática e ciências da natureza

Passado o primeiro dia de provas Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), a corrida para conquistar vaga em uma universidade pública continua para milhares de estudantes em Alagoas. No domingo (10), o exame vai abordar as disciplinas de matemática e ciências da natureza. A duração da prova será de cinco horas. A semana foi de muito estudo para os estudantes de diversos cursinhos de Maceió. O foco na reta final foi focada provas de anos anteriores do Enem. “Nós tentamos ver algum assunto importante que por acaso o aluno ainda não tenha aprendido. Porém só adianta estudar algo novo se ele for de grande importância”, afirma o professor de química Walder Nunes. Thalles Silva é professor de matemática e dá um conselho importante para esta segunda prova. “Matemática não é um bicho de sete cabeças. É um quarto da prova. Tem que analisar o potencial que tem para poder resolver e a dica de ouro é: começar pelas últimas. É onde estão as questões mais fáceis. Isso pode dar um equilíbrio para ele manter uma correlação de pontos que pode ajudá-lo a ser aprovado”, orienta. Além de estudar, os candidatos precisam lidar com a parte emocional e controlar a ansiedade para não atrapalhar no momento da prova. Os alunos do 3º ano do ensino médio do colégio Maria Montessori Mykaelle Lessa e Gabriel dos Anjos sentiram na pele o nervosismo. “Eu fiquei um pouco ansioso para o primeiro dia da prova, não sabia como poderia vir a prova, já que algumas mudanças estavam previstas. Comecei meio nervoso, mas com o tempo, fui me acalmando. Iniciei pela redação, que me surpreendeu muito com o tema, mas acho que consegui desenvolver bem. Tinham questões mais objetivas e sem alguns assuntos comuns em anos passados”, disse Gabriel. “No primeiro dia de prova eu tava muito nervosa, mas, mesmo assim fiz uma prova muito boa. O tema da redação me surpreendeu no início, mas logo depois lembrei de toda a minha preparação ao longo do ano e consegui desenvolver o tema muito bem”, conta Mykaelle. Mesmo com os dias intensos de estudos, a semana foi de descanso, depois do primeiro dia de provas, no último domingo (3). “Esta semana dei uma descansada, mas sem deixar de revisar os principais assuntos de cada matéria. Ainda participei de dois aulões de revisão, quinta e sexta. Acho que sou melhor nas matérias do segundo dia, o que me dá um conforto maior e, por isso, acho que o nervosismo vai ser menor”, ressalta dos Anjos. Os cursos preparatório têm ajudados os estudantes também nessa reta final. Os aulões foram os queridinhos dos alunos para revisar os últimos conteúdos. “Para o segundo dia eu estou fazendo muitos exercícios e revisões dos principais conteúdos que costumam cair, fiz matérias isoladas para reforçar os conteúdos de maior peso no Enem - como matemática, por exemplo. Tenho minhas estratégias de prova e espero não ficar muito nervosa”, acrescenta Mykaelle.

FALTOSOS

O Exame Nacional do Ensino Médio teve 21,3% de candidatos ausentes no primeiro dia de provas em Alagoas. De acordo com o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), dos 89.826 inscritos no estado, 19.149 não compareceram aos locais de prova. Apesar disso, o número de abstenções no primeiro dia de provas caiu no estado. Ano passado, o percentual de faltosos foi de 21,9%, e já era menor que o ano anterior. O Inep informou, ainda, que 376 participantes foram eliminados do processo. São motivos para eliminação, segundo a organização, entre outros, portar equipamento eletrônico, ausentar-se antes do horário permitido, utilizar impressos e não atender orientações dos fiscais de sala. Outros 93 candidatos não foram afetados por ocorrências logísticas, que podem ter sido alguma emergência médica, interrupção temporária de energia elétrica ou problemas com abastecimento de água.

Mais matérias
desta edição