app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 0
Cidades

Prefeitura n�o adere �paralisa��o na 2� feira

A prefeita Kátia Born está engajada na luta dos municípios por melhores condições na distribuição tributária e permanece cobrando do governo federal posição imediata de participação mais efetiva, tendo em vista a queda do Fundo de Participação dos Municíp

Por | Edição do dia 08/08/2003 - Matéria atualizada em 08/08/2003 às 00h00

A prefeita Kátia Born está engajada na luta dos municípios por melhores condições na distribuição tributária e permanece cobrando do governo federal posição imediata de participação mais efetiva, tendo em vista a queda do Fundo de Participação dos Municípios (FPM) nos dois últimos meses, mas determinou que o funcionamento da Prefeitura de Maceió, por meio de suas secretarias, coordenadorias e superintendências, seja normal durante o expediente da próxima segunda-feira, quando a grande maiorias das prefeituras brasileiras fecha em protesto contra as perdas de recursos. De acordo com a prefeita, os serviços prestados pelo município de Maceió, por intermédio de todos os seus órgãos, não são essenciais apenas para o funcionamento normal da cidade. “Nosso expediente nos permite, também, atender demandas de outros municípios de Alagoas, com relação à educação, saúde, transporte e assistência social. Uma paralisação espontânea dificultaria o atendimento. Ao confirmar expediente normal para a segunda-feira, Kátia Born reafirmou seu compromisso de lutar junto com os demais municípios, inclusive apoiando suas iniciativas, o que já vem fazendo em contatos políticos individuais ou em grupo em Brasília e como uma das representantes da diretoria da Frente Nacional dos Prefeitos. ‘‘Compartilhamos da luta por melhores condições para as prefeituras municipais, mas Maceió não pode parar”, concluiu.

Mais matérias
desta edição