app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5709
Cidades

PRF realiza opera��o para localizar ve�culos irregulares na Via Expressa

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) realizou, durante a manhã de ontem, na Via Expressa, uma operação com o objetivo de apreender veículos irregulares. A PRF utilizou cerca de 40 agentes e cinco viaturas para a realização do trabalho, que foi coordenado

Por | Edição do dia 03/04/2002 - Matéria atualizada em 03/04/2002 às 00h00

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) realizou, durante a manhã de ontem, na Via Expressa, uma operação com o objetivo de apreender veículos irregulares. A PRF utilizou cerca de 40 agentes e cinco viaturas para a realização do trabalho, que foi coordenado pelo inspetor Agra. Segundo informações, a fiscalização nos coletivos foi geral. Mas o principal fator era efetivamente encontrar veículos irregulares. Fontes da Polícia Rodoviária revelam que alguns veículos foram tirados de circulação por não seguirem as regras de trânsito. Alguns casos de documentação vencida foram detectados pelos policiais federais. O inspetor Agra, que comandou toda a operação, relatou que este tipo de trabalho é da maior importância, pois o motorista sabe que está sendo alvo de fiscalização e não vai para as ruas com o seu carro apresentando irregularidades. Prisão “O papel da polícia é cuidar da fiscalização, que efetivamente pode evitar acidentes nas estradas entre outros tipos de problemas. É evidente que a operação tem vários objetivos. Vamos em busca de irregularidades documentais. Mas, se encontrarmos armas e drogas é claro que o dono será preso e encaminhado ao distrito”, alerta o inspetor Agra. Segundo a Polícia Rodoviária Federal, a operação vai atingir outros bairros, sobretudo os de maior movimento de veículos e pontos de saída da capital alagoana. Estas áreas são mais observadas porque são rotas usadas por pessoas suspeitas. A operação deve acontecer, também, nas divisas de Alagoas com outros Estados e o tempo de atuação não foi determinado. A PRF informa que enquanto houver necessidade os policiais estarão fiscalizando o movimento de veículos no Estado.

Mais matérias
desta edição