app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5716
Cidades

Hospital implanta nova forma de pagamento para cirurgias

O Estado de Alagoas ganhou, este ano, o primeiro Hospital-Dia, com cirurgia ambulatorial, específico para atender a pequenos e médios casos de pacientes. Implantado pela Fundação Educacional Jayme de Altavilla (Fejal), ao lado da Clínica Santa Juliana,

Por | Edição do dia 09/04/2002 - Matéria atualizada em 09/04/2002 às 00h00

O Estado de Alagoas ganhou, este ano, o primeiro Hospital-Dia, com cirurgia ambulatorial, específico para atender a pequenos e médios casos de pacientes. Implantado pela Fundação Educacional Jayme de Altavilla (Fejal), ao lado da Clínica Santa Juliana, na Capital, o hospital já atendeu de janeiro até este mês mais de 200 pacientes de casos que variam de hérnia até a retirada de sinais. Segundo o diretor-geral da unidade, Mário Jucá, o estabelecimento hospitalar conta com uma equipe de profissionais da área da saúde, composta por cinco cirurgiões, dois enfermeiros, oito auxiliares de enfermagem e dois anestesistas. Todos, segundo informou o médico, são especializados e devidamente treinados para atender a pacientes que apresentarem variados problemas de saúde. Outra vantagem, de acordo com o médico, é que o paciente após se submeter a uma cirurgia, não precisará de internamento. Esse procedimento, conforme o médico, evita que os pacientes corram riscos de infecção hospitalar. “Ele volta ao seu lar, sem nenhum problema, e nenhum tipo de burocracia”, disse. O diretor-geral acrescentou, ainda, que se um paciente necessitar de internamento, o hospital já se responsabiliza de forma antecipada pela reserva de um leito. Na tentativa de orientar as pessoas com problemas de hérnia a se submeter a um tratamento no Hospital-Dia, Mário Jucá afirma que este mês será realizada a campanha de saúde: Hérnia nunca mais. Além disso, afirma, estão sendo vendidos, no próprio hospital, pacotes incluindo consulta e cirurgia, a preços entre 300 e 500 reais, para aqueles que não têm plano de saúde.

Mais matérias
desta edição