app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 0
Cidades

MACEIÓ DEVE SE PREPARAR PARA CHUVA INTENSA NAS PRÓXIMAS SEMANAS

Programa pede ajuda da população para conter riscos e danos causados pelo trimestre chuvoso

Por Maíra Sobral | Edição do dia 05/05/2021 - Matéria atualizada em 05/05/2021 às 04h00

Segundo Boletim Climático para a Região Nordeste do Brasil (NEB), com chegada de maio, o município de Maceió poderá começar a registrar forte volume de chuva, com previsão de alcançar o valor médio de 915,9 mm até o final de julho. O boletim com a previsão completa para o Nordeste brasileiro pode ser conferido no site da Secretaria de Estado do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos (Semarh). Considerando que apenas durante o mês de abril o volume de chuvas foi cerca de 80% maior do que o esperado, o Programa Previne Maceió está atuando para reparar os danos causados pelas primeiras precipitações intensas, além de prevenir e alertar a população para os riscos do período chuvoso que se aproxima. À frente do projeto estão a Secretaria Municipal de Governo (SMG), a Secretaria Municipal de Assistência Social (Semas), a Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seminfra), a Superintendência de Desenvolvimento Sustentável (Sudes) e a Defesa Civil Municipal. Dessa forma, a Seminfra informou que nos últimos quatro meses e recuperou 730 galerias, com um recolhimento de 150 toneladas de lixos que impediam a passagem da água das chuvas pelos canais de drenagem. Enquanto isso, a Sudes efetuou a poda de 293 árvores, tendo recebido 30 chamados emergenciais de queda, 105 supressão de árvores que estavam em área de risco de desabamento e supressão de mais 87 que estavam em locais de risco de desabamento. No caso da população que mora em áreas afetadas pelas precipitações, o programa agiu na retirada de mais de 90 famílias, que seguem sendo atendidas pela Semas. Outras 16 famílias foram abrigadas na Casa de Ranquines, que está funcionando como abrigo provisório da Prefeitura. As equipes do Programa fizeram o encaminhamento também de 218 famílias que residem em área de risco para serem contempladas com programa de habitação do município, como forma de prevenir perda material nessas residências.

PREVINE MACEIÓ

O coordenador do Programa Previne Maceió e secretário de Governo Francisco Sales explicou que as medidas de precaução já estão sendo tomadas considerando as áreas de risco, a fim de impedir tragédias com vítimas nessas localidades mais vulneráveis da cidade, “As ações têm sido desenvolvidas para preservar vidas durante esse período chuvoso em Maceió, por isso focamos em fazer o atendimento prioritário nas localidades com risco, com a remoção das famílias, recolhimento de lixo e limpeza dos canais. Tem áreas mais críticas e fomos visitar e conversar com os moradores. Alguns locais de maior urgência, as famílias foram retiradas e estamos trabalhando para atender o maior número possível de famílias que estão nessas áreas de risco”, informou o coordenador. Além disso, o secretário de Governo destaca que a contribuição da população é importante para manter as galerias limpas e o escoamento da água eficiente, evitando jogar lixo nas ruas. “Fizemos a limpeza e desobstrução das galerias de águas pluviais para minimizar os impactos causados pelos alagamentos em diversos pontos da cidade. Mas sentimos que esse é um trabalho conjunto devido a grande quantidade de lixo que recolhemos das galerias. A população precisa ajudar fazendo o descarte do lixo nos locais adequados, evitando esses resíduos chegue até as galerias”, solicitou Francisco Sales.

Mais matérias
desta edição