app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 0
Cidades

AL TEM MAIS 15 MORTES E 545 CASOS DE COVID

.

Por Regina Carvalho | Edição do dia 19/05/2021 - Matéria atualizada em 19/05/2021 às 04h00

O Boletim Epidemiológico da Secretaria de Estado da Saúde (Sesau) de terça-feira (18) confirmou mais 545 novos casos e 15 mortes por Covid-19 em Alagoas. Oficialmente, o estado tem um total de 185,6 mil casos confirmados do novo coronavírus e 4.523 mortes. Quatro vítimas eram da capital alagoana (quatro mulheres de 46, 52, 75 e 77 anos) e 11 do interior (quatro homens e sete mulheres). Segundo a Sesau, 3,3 mil pessoas estão recuperados da doença e 12,4 mil casos estão em investigação laboratorial. Dos 4.515 óbitos de pessoas residentes em Alagoas, 2.501 eram do sexo masculino e 2.014 do sexo feminino. Perto 2,1 mil residiam em Maceió e 2,4 mil moravam no interior. Das vítimas que residiam em Maceió, a mulher de 46 anos tinha distúrbio psiquiátrico e morreu no Hospital da Mulher (HM), em Maceió; a mulher de 52 anos era hipertensa e morreu no Hospital da Mulher (HM), em Maceió; a idosa de 75 anos era hipertensa, obesa e morreu na Santa Casa, em Maceió; e a mulher de 77 anos era diabética e morreu no Hospital Geral do Estado (HGE), em Maceió. Em relação as 11 vítimas que residiam no interior do Estado, eram quatro homens de 27, 47, 65 e 74 anos, além de sete mulheres de 40, 59, 65, 66, 81, 82 e 93 anos.

O homem de 27 anos, morava em Porto Calvo, tinha asma e morreu no Hospital Regional do Norte (HRN), em Porto Calvo; o de 47 anos, morava em Arapiraca, não tinha comorbidades e morreu no Hospital de Emergência do Agreste (HEA), em Arapiraca; o homem de 65 anos, morava em Palmeira dos Índios, era hipertenso e morreu também no Hospital de Emergência do Agreste (HEA), em Arapiraca; o idoso de 74 anos, residia em Arapiraca, era diabético, hipertenso e morreu no Hospital de Emergência do Agreste (HEA), em Arapiraca.

A mulher de 40 anos, morava na Barra de Santo Antônio, não tinha comorbidades e morreu no Hospital Geral do Estado (HGE), em Maceió; a de 59 anos, morava em Porto Calvo, não tinha comorbidades e morreu no Hospital Regional do Norte (HRN), em Porto Calvo; a idosa de 65 anos, residia em Santana do Ipanema, não tinha comorbidades e morreu no Hospital Veredas, em Maceió; a mulher de 66 anos, morava em Palmeira dos Índios, não tinha comorbidades e morreu no Hospital Metropolitano de Alagoas (HMA), em Maceió; a mulher de 81 anos, morava em Pilar, não tinha comorbidades e morreu no Hospital Metropolitano de Alagoas (HMA), em Maceió; a mulher de 82 anos, residia em Murici, não tinha comorbidades e morreu no Hospital Regional da Mata (HRM), em União dos Palmares; e a mulher de 93 anos, morava em Viçosa, tinha pneumopatia e morreu no Hospital Chama, em Arapiraca.

Mais matérias
desta edição