app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 0
Cidades

JUNHO FOI O 3º PIOR MÊS EM RELAÇÃO AO NÚMERO DE CASOS DE COVID EM AL

Nos últimos 30 dias, Estado contabilizou 23.671 pessoas infectadas, atrás somente de junho e julho de 2020

Por rayssa cavalcante | Edição do dia 02/07/2021 - Matéria atualizada em 02/07/2021 às 04h00

Junho de 2021 chegou ao fim em Alagoas com um dado preocupante. De acordo com o Instituto de Geografia, Desenvolvimento e Meio Ambiente (Igdema) da Universidade Federal de Alagoas (UFAL), o mês é o terceiro pior em relação ao acumulado de casos confirmados de Covid-19 desde o início da pandemia. Apenas nos últimos 30 dias, o estado contabilizou 23.671 pessoas infectadas, ficando atrás somente de junho e julho de 2020

“Voltamos ao nível de fevereiro, mas em Maceió a quantidade de casos é menor que a média do estado, o que significa crescimento de casos no interior”, alertou o pesquisador do Igdema, Esdras Andrade. Ainda segundo o pesquisador, os casos voltaram a crescer depois de dois meses de queda, fazendo com que seja necessário reavaliar as últimas medidas estabelecidas de combate ao vírus. “Ou seja, a pandemia está em franca expansão. Estamos no mesmo ritmo de quando a doença estava no auge, no ano passado. E o que preocupa é que a população não está mais em confinamento.”

Quanto aos óbitos, Andrade ressaltou que junho apresentou um aumento de 20%, se comparado com maio de 2021 - o mês anterior. Ele também esclareceu que, mesmo com o avanço da vacinação, a população não deve descuidar das medidas de distanciamento, uso de máscara de proteção e higienização frequente das mãos.

Mais matérias
desta edição