app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5751
Cidades

Brasil tem em m�dia 300 erros anuais de per�cia legal

Cerca de 300 casos de erros de medicina legal em processos de perícia criminal foram registrados em 1995 no Brasil. Em odontologia, no mesmo período, ocorreram 180 casos de erros, segundo dados repassados pelo professor da Universidade Paulista, Jorge Pau

Por | Edição do dia 03/05/2002 - Matéria atualizada em 03/05/2002 às 00h00

Cerca de 300 casos de erros de medicina legal em processos de perícia criminal foram registrados em 1995 no Brasil. Em odontologia, no mesmo período, ocorreram 180 casos de erros, segundo dados repassados pelo professor da Universidade Paulista, Jorge Paulete Vanrrell, um dos palestrantes da IV Jornada de Medicina e Odontologia Legais do Nordeste, que acontece no Hotel Meliá. “Um erro pericial é de uma gravidade extrema, ao representar a perda da liberdade de alguém ou a cobrança de indenizações altíssimas”, comenta o professor. Esses erros ocorrem porque se quer proteger colegas, envolvendo assim as questões éticas, mas, segundo o professor, o maior problema é a formação educacional do próprio perito. “Há 10 anos, esses erros eram esporádicos, depois começou a haver um incremento progressivo: em 1990, foram apenas 20 casos de erros em processos”, informou Jorge Vanrrell. Ele credita o problema ao aumento do número de médicos no mercado, nem sempre com uma formação bem feita, seja uma das causas do problema. “A formação não é boa, o corpo docente, às vezes, é improvisado”, observou. Problemas similares ocorrem com a formação odontológica. “Há casos em que o perito não conhece nada da lesão em estudo, porque o ensino da medicina e odontologia exige que se leve o instrumento na mão para esculpir. É muita prática e um trabalho pessoa a pessoa na sala de aula”, disse Vanrrell. Na sua opinião, a massificação do ensino nessas duas áreas têm prejudicado bastante a qualidade da formação dos profissionais. Vanrrell explica que medicina e odontologia legal são disciplinas que os alunos fogem, faltam as aulas ou passam com a nota mínima. A solução para os erros de perícia criminal é corrigir na base, na parte educacional, segundo avalia o professor.

Mais matérias
desta edição