app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5731
Cidades

Ufal divulga list�o dos aprovados 2005

| MARCOS RODRIGUES Repórter A divulgação da listagem dos 2.652 aprovados para o ingresso na Universidade Federal de Alagoas (Ufal), ontem, na Praça Sinimbu, gerou ansiedade nos mais de 6 mil candidatos que participaram da segunda fase. O evento foi um m

Por | Edição do dia 11/02/2006 - Matéria atualizada em 11/02/2006 às 00h00

| MARCOS RODRIGUES Repórter A divulgação da listagem dos 2.652 aprovados para o ingresso na Universidade Federal de Alagoas (Ufal), ontem, na Praça Sinimbu, gerou ansiedade nos mais de 6 mil candidatos que participaram da segunda fase. O evento foi um misto de festa, alívio e, também, decepção. A matrícula dos novos feras será realizada no período de 6 a 10 de março. Em meio aos representantes dos cursinhos e do Diretório Central dos Estudantes (DCE), os feras não dispensaram o tradicional trote. “É uma sensação muito boa. Algo único. Sinto-me aliviada porque o que eu estudei foi suficiente para passar”, comentava a estudante Meiriane Marques. Empolgadíssima ao lado das amigas de cursinho, ela avisava aos pais, por meio de telefone, que havia conseguido ser aprovada. “Tenho mais é que dividir com eles. Foi um esforço conjunto”, dizia Meirieane completamente suja de uma mistura de melaço com pó de serra. Dose dupla Os pais também não conseguem esconder a emoção. Cristine Marinho Peixoto acompanhou o resultado na Praça Sinimbu ao lado da filha. “Isso é a realização de um sonho”, comentou. E ela dizia ter razões de sobra para comemorar. A filha Andréia Costa, 18, havia passado para Ciências Econômicas na universidade pública sem precisar de aulas em cursinho. Para os donos de cursinhos, o momento também é importante. Eles prepararam a festa para saudar seus feras. “Só lamento que a organização tenha liberado listas antes do horário combinado”, queixava-se o professor e coordenador de um dos cursinhos Eduardo Sampaio. O cursinho que representa investiu na contratação de um tenda eletrônica com apresença de DJ. No outro lado da cidade, um outro cursinho também não esqueceu de comemorar com seus alunos. Segundo o professor e coordenador Ernesto Stadtler a divulgação na Praça Sinimbu não atrapalhava a festa no local. “Investimos numa estrutura para a divulgação e numa festa em uma boate. Estamos comemorando com eles. Para nós, o êxito da aprovação é como uma final de campeonato”, dizia o professor.

Mais matérias
desta edição