app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 0
Cidades

Identidades s�o esquecidas em posto

| Fernando Vinícius Repórter Arapiraca – Milhares de carteiras de identidade aguardam os respectivos “donos” nas prateleiras da estante do posto de identificação em Arapiraca. O acúmulo é estimado entre 1.300 e 1.500 documentos, alguns prontos há mais d

Por | Edição do dia 11/02/2007 - Matéria atualizada em 11/02/2007 às 00h00

| Fernando Vinícius Repórter Arapiraca – Milhares de carteiras de identidade aguardam os respectivos “donos” nas prateleiras da estante do posto de identificação em Arapiraca. O acúmulo é estimado entre 1.300 e 1.500 documentos, alguns prontos há mais de três anos. O montante contrasta com a quantidade de pessoas que diariamente procuram o serviço de expedição do registro geral, demanda que aumenta com a aproximação dos períodos de inscrição para os vestibulares ou exames de avaliação dos estudantes de nível médio e fundamental. ### Agricultor, 37 anos, e sem identidade Arapiraca – Quando a reportagem da Gazeta esteve no posto de identificação de Arapiraca na quinta-feira, 08, José Ialdo Rodrigues dava entrada em sua carteira de identidade. Aos 37 anos, o agricultor nascido em Santana do Ipanema, Sertão de Alagoas, tinha como única prova legal de sua existência uma fotocópia de sua certidão de nascimento. Casado e morando em Arapiraca há 3 anos, a mudança de vida fez José sentir a necessidade de se reabilitar como cidadão brasileiro. ///

Mais matérias
desta edição