app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 0
Cláudio Humberto

Confira os destaques da política nacional #CH06012022

.

Por Claudio Humberto | Edição do dia 06/01/2022 - Matéria atualizada em 05/01/2022 às 22h32

 

 

PODER SEM PUDOR: Pianista sem piano

Eleito governador do Rio Grande do Sul em 1934, o general Flores da Cunha foi pressionado pelas oito irmãs e a mãe, durante um ano, a nomear o sobrinho Pedruca para qualquer cargo. Ele resistiu – considerava Pedruca um inútil. Mas não agüentou a pressão do mulherio (quem agüentaria?) e capitulou, dando finalmente instruções a Poti Menezes, chefe da Casa Civil: - Prepare o ato nomeando Pedruca pianista do Palácio Piratini. - Mas, governador, Pedruca nem sequer sabe tocar piano... - Não faz mal – retrucou o general – no Palácio não tem piano mesmo!


Governo cria mais uma estatal inútil e dispendiosa

Além de não privatizar estatais, como prometeu, o governo continua criando empresas de necessidade duvidosa. Essa tara por estatais levou o Ministério de Minas e Energia a “ativar”, terça-feira (4), uma inutilidade denominada ENBPar (Empresa Brasileira de Participações em Energia Nuclear e Binacional S/A), para cuidar da gigante Itaipu Binacional, que não precisa disso, e de estatais que nem deveriam existir, como a Eletronuclear, que cuida de uma única usina nuclear.


Itaipu não merece

Empresa criada há meio século no tratado internacional Brasil-Paraguai, Itaipu ganhará um verdadeiro encosto: a Eletronuclear.


Arrumadinho estatal

Pior é que, como ocorreu na criação de nove em cada dez estatais brasileiras, a ENBPar tem todos os odores de compadrio.


Irmão camarada

O almirante Bento Albuquerque, ministro de Minas e Energia, designou para presidir a nova estatal um assessor, chapinha e... almirante, claro.


Missão impossível

Na presidência da ENBPar, almirante Ney Zanella, deverá “viabilizar a privatização da Eletrobrás”, que nem Arthur Lira conseguiu na Câmara.


Anac “permitiu” a aéreas não reembolsar viajante

A Anac insiste na lorota de que a cobrança por mala despachada, que a agência chama de “desregulamentação da franquia de bagagem”, foi benéfica para o setor e incentivou a concorrência entre as empresas, mas a verdade é que temos menos empresas que antes da liberação. Na prática, a Anac ainda permitiu um “assalto”. Se alguém quiser viajar sem pagar pela bagagem, caso precise mudar o voo, ficará sujeito a multa de 100% ou pagamento da diferença tarifária, o que for maior.


Jogado no lixo

Quem não paga pela bagagem perde o dinheiro se desistir. Agentes de viagem confirmam: não há reembolso da tarifa, só a taxa de embarque.


Exploração à la carte

Para a Anac, “os passageiros passaram a ter mais opções de serviços”. Realmente, tudo que antes era incluído passou a ser cobrado à parte.


Não é piada

Ainda assim, a Anac vende a ideia de que as mudanças foram para “convergir para as melhores práticas regulatórias internacionais”. Anrã..


Pequeno detalhe

As 12 investigações abertas pelo MP têm uma grande diferença para o relatório da CPI da Pandemia. Vão apurar as suspeitas para achar os culpados, em vez de começar com o culpado e construir a narrativa.

Dito e feito

Como antecipado pela coluna, a nova embaixadora dos EUA no Brasil será a ativista democrata Elizabeth Frawley Bagley. A aceitação do pedido de agrément foi revelado em primeira mão pelo Diário do Poder.


Bom filho

Baiano, o ex-diretor-geral da OMC e atual vice-presidente mundial da Pepsico, Roberto Azevêdo, foi o grande articulador da doação de R$1 milhão e 9 toneladas de alimentos às vítimas das chuvas na Bahia.


Diz que não estou

Militantes do PT reclamam do tratamento do governador de Alagoas, aliado dos petistas, ao único deputado federal do partido em Alagoas, o Paulão. Ele não é recebido por Renan Filho (MDB) há dois anos.


Capitalizando

Responsável por grande parte das vacinas de covid no mundo, a Pfizer tem loja virtual para merchandising que mostra o “orgulho da Pfizer”. A empresa diz doar tudo para caridade. Fica só com propaganda gratuita.


Jaboatão bombando

Após recebeu pelo segundo ano consecutivo o prêmio da ONU pelos Serviços Inclusivos e Equitativos para Todos, o prefeito do Jaboatão dos Guararapes, Anderson Ferreira, tem sido mais cotado que nunca como um dos mais fortes candidatos ao governo de Pernambuco.


Fama vicia

Com a queda incontestável das mortes por covid no Brasil e no mundo, especialistas têm recorrido à alta nas infecções para se manterem na mídia. É como político em ano eleitoral, que faz de tudo para aparecer.


É motivo para pânico?

A média diária de novos casos já se aproxima de 2 milhões, segundo o Worldometer, plataforma que monitora a covid pelo mundo. O pânico na mídia voltou, mas o curioso é que as mortes continuam em queda.


Pensando bem...

... mais valem 12 apurações do MP que 1.180 páginas do resumo do circo da pandemia.

Mais matérias
desta edição