app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5655
Cláudio Humberto O neurologista RODRIGO ARAÚJO iniciou seu quadro semanal sobre saúde na TV Mar com orientações sobre o autismo

Confira os destaques da política nacional #CH16112023

.

Por Cláudio Humberto | Edição do dia 16/11/2023 - Matéria atualizada em 16/11/2023 às 04h00

 

Foto: Divulgação
  

PODER SEM PUDOR: CARROS E CARGOS

Eleita prefeita de São Paulo, Luiza Erundina foi a Jânio Quadros, ainda no cargo. Ele quis saber o que ela trazia na bolsa. “Documentos”, respondeu. “Creio que a senhora deveria trazer muitos carros e cargos”. Erundina estranhou: “Me desculpe, não estou entendendo”. Jânio explicou: “Carros para a CMTC, que o povo está faminto por transporte, e cargos para os vereadores, que estão famélicos para dar emprego a seus apaniguados...”


TURBINADAS, ‘EMENDAS PIX’ PASSAM DE R$ 7,2 BILHÕES

Usadas como ferramentas para cooptar o Congresso, o governo Lula (PT) turbinou em pouco mais de dois meses R$ 600 milhões das Transferências Especiais, mais conhecidas como “Emendas Pix”. O valor atual já soma R$ 7,2 bilhões. No final de agosto, eram R$ 6,6 bilhões. O valor já supera todos os anos anteriores somados. Em 2020 foram R$ 621 milhões, subiu para R$ 2 bilhões em 2021 e alcançou os R$ 3,4 bilhões em 2023. Ao todo, a soma bate R$ 13,3 bilhões.


CHICO CUECA

Flagrado em operação da PF com dinheiro na cueca, o senador Chico Rodrigues (PSB-RR) é o líder das emendas, R$ 40,4 milhões em 2023.


DESTINO

Jangada (MT) foi o local que mais recebeu o recurso (2023): R$ 28,7 milhões do senador Carlos Fávaro (PSD), atual ministro da Agricultura.


O FILHO É SEU

A Emenda Pix nasceu de projeto da deputada Gleisi Hoffmann (PR). Neste ano, R$ 8,3 milhões em emendas levam a assinatura da petista.


EXPLICA ESSA

O PL (R$ 935 milhões) lidera entre partidos, PP tem R$ 892 milhões, PSD R$ 828 milhões, MDB R$ 741 milhões e PT, R$ 720 milhões.


FLÁVIO DINO VIRA ALVO ATÉ DA PRESIDENTE DO PT

Após o escândalo da “dama do tráfico” atingir em cheio Flávio Dino, a presidente do PT, Gleisi Hoffmann, parece haver percebido que o ministro da Justiça estava fragilizado e criticou fortemente a segurança pública, área sob responsabilidade do político do PSB. Ela denunciou o crescimento de 14,9% nos estupros em 2023, já no governo Lula. No Congresso, o ataque foi visto como “fogo amigo” e um recado claro: o PT quer cadeira de Dino por fracassar no combate à criminalidade.


MINISTÉRIO RACHADO

A crise na segurança pública em diversos estados, sobretudo na Bahia, provoca pedidos para que essa área seja entregue a outra pessoa.


PSB NÃO É PT

Flávio Dino, que é do PSB, chegou a ser considerado o favorito para a vaga de Rosa Weber no Supremo Tribunal Federal, mas o PT o vetou.


AUTO-QUESTIONAMENTO

Sinalizando que ele estava fora, sua indicação ao STF foi reduzida pelo próprio presidente Lula, durante café da manhã com jornalistas aliados.


MUITO À VONTADE

Uma constatação impressionante, no caso da “dama do tráfico”, é sua certeza de que nada lhe aconteceria, apesar de ser o que é e o que representa, ao frequentar o Ministério da Justiça e Segurança Pública.


COMO PINTO NO LIXO

Os deputados Guilherme Boulos (Psol-SP), André Janones (Pode-MG) e Daiana Santos (PCdoB-RS), que posaram com a “dama do tráfico”, precisam dizer porque pareciam, nas fotos, felizes como pintos no lixo.


ORGULHO DO DF

Políticos exaltaram o Dia Nacional da Alfabetização, nesta terça (14). O governador Ibaneis Rocha lembrou que o DF tem a menor taxa de analfabetismo do país. “Isso nos traz muito orgulho”, comemorou.


PRECIPÍCIO À FRENTE

“Não é por acaso, nem por coincidência”, diz Ciro Nogueira (PP-PI) sobre o Tesouro ter que bancar prejuízo estimado em R$ 5,6 bilhões das estatais. “Estamos indo para o precipício”, avalia o senador.


TRIBUNAIS

O PP-PE avalia acionar a Justiça para derrubar antecipação da eleição para o comando da Assembleia Legislativa. O eleito, Álvaro Porto (PSDB), é correligionário e desafeto da governadora Raquel Lyra.


CLÁUSULA DEMOCRÁTICO

A entrada da Bolívia no Mercosul foi travada após pedido de vista de Sérgio Moro (União-PR). O Senado precisa validar o apoio brasileiro. Moro citou presos políticos e pediu atenção aos critérios democráticos.


DECISÃO MISTERIOSA

O deputado Osmar Terra (MDB-RS) enviou ofício ao Ministério da Saúde com mais de 20 perguntas sobre a inclusão da anti-Covid no calendário de vacinação para crianças. Até agora, nada de resposta.


EFEITO DA FRAUDE

Há um ano, o investidor que procurava ação das Americanas pagava R$ 11,31 no papel. Na terça (14), valia uma mixaria, só 80 centavos. Desvalorizou 92,84% em um ano, após revelada a fraude contábil.


PERGUNTA NA CULTURA

Atraso é patrimônio cultural?

Mais matérias
desta edição