app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5656
Coluna Religião Encontro das Mulheres Cristãs em Missão ocorreu na Congregação Batista Central de Capela

ISMAEL: FILHO REJEITADO QUE DEUS O ABENÇOOU

Em encontro das Mulheres Cristãs em Ação de Capela, a missionária Agda reflete sobre a história do primogênito que foi expulso de casa

Por Raimundo Gomes/Especial para a Gazeta | Edição do dia 25/11/2023 - Matéria atualizada em 25/11/2023 às 04h00

Em meio às previsões de um cenário difícil para o Brasil em 2024, um grito de esperança ecoa do interior de Alagoas na reflexão de uma mensagem sobre ‘Tempo de recomeçar’. O contexto da história mostra como Deus transforma maldições em bençãos mesmo quando se está no deserto sedento de água e sem perspectiva alguma.

A reflexão sobre essa história foi ministrada pela missionária Agda Soares no último sábado, dia 18, durante o 4º Encontro de Organização das Mulheres Cristãs em Missão (MCM) na Congregação Batista Central, no município de Capela. O tema ‘Tempo de Recomeçar’ fala de um primogênito rejeitado pelo pai e socorrido por Deus.

GÊNESIS 21:8-21

Em sua mensagem, a missionária aborda detalhadamente, na leitura dos versículos de Gênesis 21:8-21, todo o contexto da história, que tinha como personagens a escrava egípcia Agar e seu filho Ismael, que nasceu de Abraão. Ambos foram expulsos das terras do patriarca a pedido de sua esposa, Sara, após dar à luz a Isaque.

“O recomeço de tudo acontece normalmente após a ocorrência de grandes tempestades”, considerou Agda Soares.

Segundo ela, “após a tempestade, seja de chuva, no nosso caso, ou de areia, no deserto, o cristão precisa, em sua oração matinal, pedir a Deus para que direcione sua vida nos caminhos que Ele traçou”.

“No deserto, onde mãe e filho se encontravam, nenhum ser humano conseguiria sobreviver, pois não havia água. Mas quando tudo parecia ter terminado, Deus viu a aflição da mulher e mudou toda a história. Ismael veio a ser um próspero pai de grande nação”, concluiu a missionária e assistente social Agda Soares.

LIDERANÇA

O 4º Encontro das MCM foi liderado pela diaconisa Maria Catarina de Almeida e contou com as MCM da Congregação Batista Shamá, no Povoado Santo Antônio, em Atalaia, dirigida pelo seminarista Jeudes Ferreira e sua esposa, Quinor. Outra presença marcante foi a do seminarista Henrique Silva, dirigente da CB de Capela.

Mais matérias
desta edição