app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5655
Coluna Religião Dom Antônio Muniz anunciou que a Arquidiocese de Maceió ganhou uma nova divisão pastoral com a criação de foranias

ARQUIDIOCESE GANHA NOVA DIVISÃO PASTORAL

Criação de foranias foi apresentada pelo arcebispo de Maceió, dom Antônio Muniz, durante o encontro de Cristo Rei, no domingo (26)

Por Thiago Aquino/Pascom Arquidiocesana | Edição do dia 02/12/2023 - Matéria atualizada em 02/12/2023 às 04h00

Com o objetivo de dinamizar o trabalho pastoral e acompanhar as comunidades ainda mais de perto, a Arquidiocese de Maceió mudou a divisão organizacional das paróquias e criou 14 Foranias (agrupamentos de paróquias). Os vigários forâneos, que ajudarão o arcebispo na nova estrutura pastoral, também foram apresentados aos fiéis, durante a solenidade de Cristo Rei, no último domingo (26).

Os fiéis presentes no espaço poliesportivo Lauthenay Perdigão, no bairro do Trapiche, acompanharam a novidade anunciada pelo arcebispo metropolitano de Maceió, dom Antônio Muniz Fernandes. “Cada forania irá dinamizar as suas partes paroquiais e, assim, teremos uma maior dinamização, uma melhor prestação de serviços a própria evangelização”, afirmou o presidente da celebração.

99 PARÓQUIAS

A Arquidiocese de Maceió tem atualmente 99 paróquias e oito áreas pastorais e quase paróquias, que, até então, estavam organizadas por setores (as paróquias da capital) e áreas (paróquias do interior). Agora cada forania terá um vigário forâneo, que representará o seu grupo de paróquias nas reuniões do Conselho Presbiteral, liderado por dom Antônio Muniz. O vigário forâneo não tem função administrativa, mas atua como articulador.

INICIATIVAS

As foranias proporcionam iniciativas comuns, como cursos, encontros de formação e outros eventos. Os padres da região devem estar atentos para cooperar com os vigários e os leigos que participam das foranias devem colaborar para o bom andamento do trabalho pastoral.

A mudança tem como base o Direito Canônico que aconselha a divisão de uma Diocese em regiões, dando a elas o nome que for julgado mais conveniente. O importante é o princípio da descentralização.

A lista de todas as foranias e seus respectivos vigários está disponível no site: centenarioarqmaceio.com.br.

CRISTO REI

Uma multidão de fiéis, de Maceió e do interior de Alagoas, esteve reunida, também no último domingo (26), para celebrar a Festa de Cristo Rei, evento que encerra o calendário litúrgico da Igreja Católica e a celebração do dia Nacional do Laicato.

A programação, que contou com louvor, oração, testemunho, pregação e a missa, foi realizada no espaço poliesportivo Lauthenay Perdigão, antigo Ginásio do Sesi, no bairro do Trapiche.

O momento foi marcado também pela entrega da 3ª edição típica do Missal Romano, encerramento do Ano Vocacional e a doação de alimentos para as pessoas que são assistidas no Santuário Arquidiocesano Virgem dos Pobres, localizado no bairro da Mangabeiras, na capital alagoana.

Mais matérias
desta edição