app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5715
Economia

D�lar recua 1,2% e fecha cotado a menos de R$ 2,40

O dólar à vista caiu e encerrou abaixo de R$ 2,40 na segunda-feira pela primeira vez em um mês. Fluxo, venda acentuada de moeda e noticiário positivo formam o conjunto de fatores favoráveis citados por operadores para a baixa ao longo do dia. No fim do

Por | Edição do dia 26/02/2002 - Matéria atualizada em 26/02/2002 às 00h00

O dólar à vista caiu e encerrou abaixo de R$ 2,40 na segunda-feira pela primeira vez em um mês. Fluxo, venda acentuada de moeda e noticiário positivo formam o conjunto de fatores favoráveis citados por operadores para a baixa ao longo do dia. No fim do pregão, a moeda norte-americana valeu R$ 2,395 para venda, com queda de 1,20% sobre o fechamento da sexta-feira. Trata-se da menor cotação desde 23 de janeiro, quando o dólar correspondeu a R$ 2,385. Desde o dia 25 do mês passado, a divisa havia finalizado sempre acima de R$ 2,40. “Além do ingresso de moeda em termos de notícia, os números fiscais do governo deram alento”, frisou Alberto Alves Sobrinho, diretor da Fair Corretora. O Brasil teve um superávit primário do setor público consolidado – principal meta do acordo com o Fundo Monetário Internacional –de R$ 5,455 bilhões em janeiro. A meta com o FMI prevê um superávit de R$ 34,1 bilhões nos primeiros nove meses do ano. A farta disponibilidade de dólares por parte de um grande banco europeu, pela manhã, e de um banco de investimentos nacional, à tarde, foi mencionada por operadores como responsável pelo deslize das cotações.

Mais matérias
desta edição