app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5751
Economia

Caixa lan�a cons�rcio de im�veis

Depois de mais de um ano de discussões, a Caixa Econômica Federal (CEF) começa a vender hoje cotas de consórcios para compra de imóveis. Voltado especialmente para a classe média, o consórcio imobiliário é uma alternativa a mais num momento em que os juro

Por | Edição do dia 07/11/2002 - Matéria atualizada em 07/11/2002 às 00h00

Depois de mais de um ano de discussões, a Caixa Econômica Federal (CEF) começa a vender hoje cotas de consórcios para compra de imóveis. Voltado especialmente para a classe média, o consórcio imobiliário é uma alternativa a mais num momento em que os juros nos empréstimos tradicionais estão elevados. A carta de crédito, com valores entre R$ 15 mil e R$ 150 mil, poderá ser usada para compra de imóveis novos ou usados, comerciais ou residenciais, aquisição de terrenos, lotes rurais e ainda para quitar saldo devedor de um financiamento habitacional antigo. O prazo máximo para pagamento será 120 meses e o mínimo, 60 meses. Quanto maior esse tempo de duração do grupo de consórcio, maior a taxa de administração paga. Segundo o presidente da Caixa Consórcio, José Coelho, essa taxa irá variar de 14% a 18%, sendo que 1% é quitado logo nas quatro primeiras prestações e o restante distribuído ao longo do contrato. Simulação De acordo com uma simulação feita pela CEF, se uma pessoa quiser entrar num grupo que garanta uma carta de crédito no valor de R$ 15 mil, ela pagará quatro prestações iniciais de R$ 342,88 e, nos outros 54 meses, o total será de R$ 304,38. A cada ano, esse valor é corrigido com base na variação do Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC). A Caixa fará a venda das cotas nas suas 2 mil agências de todo País. As loterias, que atualmente prestam vários serviços para a Caixa, não venderão o novo produto.

Mais matérias
desta edição