app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5735
Economia

Conte�do local eleva n�mero de multas na ANP

Rio de Janeiro, RJ – Apesar das queixas da indústria petrolífera, a Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustível (ANP) resolveu endurecer a fiscalização sobre as regras de conteúdo local. Por não cumprir o porcentual de aquisição de bens e s

Por | Edição do dia 21/06/2015 - Matéria atualizada em 21/06/2015 às 00h00

Rio de Janeiro, RJ – Apesar das queixas da indústria petrolífera, a Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustível (ANP) resolveu endurecer a fiscalização sobre as regras de conteúdo local. Por não cumprir o porcentual de aquisição de bens e serviços no Brasil, previsto em contrato, a reguladora já aplicou 15 multas no primeiro semestre deste ano. Em 2014, apenas duas multas foram aplicadas no período. Somente a BG, recém adquirida pela Shell, foi multada em R$ 275 milhões - valor equivalente ao total aplicado em multas em 2014. Essa foi a maior multa já registrada. Segundo fonte ouvida pela reportagem, a ANP escolheu o caso da petroleira britânica, recém adquirida pela Shell, para funcionar como exemplo para as demais companhias. Pela dimensão do projeto, a agência já supunha que a petroleira teria dificuldade em cumprir as exigências de conteúdo local e que a multa a ser aplicada seria alta.

Mais matérias
desta edição