app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5730
Economia

Poupan�a perde para fundos com Selic a 14,25 pontos percentuais

São Paulo, SP – Com a decisão do Banco Central de elevar o juro básico (taxa Selic) em 0,50 ponto percentual, para 14,25% ao ano, os fundos de renda fixa ganham da poupança na maioria dos cenários desenhados, considerando prazos de resgate e valores de ta

Por | Edição do dia 30/07/2015 - Matéria atualizada em 30/07/2015 às 00h00

São Paulo, SP – Com a decisão do Banco Central de elevar o juro básico (taxa Selic) em 0,50 ponto percentual, para 14,25% ao ano, os fundos de renda fixa ganham da poupança na maioria dos cenários desenhados, considerando prazos de resgate e valores de taxas de administração distintos. A estimativa é da Anefac (Associação Nacional dos Executivos de Finanças, Administração e Contabilidade). Mesmo com o rendimento da poupança em 0,68% ao mês, segundo cálculo da associação, a caderneta perde para os fundos de renda fixa que têm taxa de administração até 2% ao ano em quaisquer prazos. A caderneta ganha dos fundos que têm taxa de administração de 2,5% ao ano se o resgate for feito em até um ano e perde quando o prazo é superior a esse período. Quando a taxa sobe para 3% ao ano, a caderneta ganha quando o resgate ocorre em até dois anos e empata se o prazo for superior.

Mais matérias
desta edição