app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5735
Economia

Proje��o de infla��o sobe pela 16� semana

Brasília, DF – O cenário para 2015 continua a piorar e a cada semana o mercado projeta mais inflação e recessão. Analistas ouvidos pelo Banco Central para o Boletim Focus, levantamento semanal da instituição, revisaram pela 16ª semana seguida suas projeçõ

Por | Edição do dia 04/08/2015 - Matéria atualizada em 04/08/2015 às 00h00

Brasília, DF – O cenário para 2015 continua a piorar e a cada semana o mercado projeta mais inflação e recessão. Analistas ouvidos pelo Banco Central para o Boletim Focus, levantamento semanal da instituição, revisaram pela 16ª semana seguida suas projeções para o custo de vida. Agora, a expectativa é que o Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) termine o ano em 9,25%. Para a atividade econômica foram três ajustes consecutivos e a previsão é que o PIB (Produto Interno Bruto) encolha 1,80%. As projeções do BC seguem mais otimistas, mas nada impede que sejam revisadas em setembro. No Relatório Trimestral de Inflação de junho, a instituição previa inflação de 9% no cenário de referência, que usa parâmetros calculados por técnicos do BC, e de 9,1% usando referências de mercado. Com o ano perdido para a inflação, as promessas e a estratégia do BC passaram a mirar o fim de 2016, quando a instituição pretende fazer com que o IPCA fique em 4,5% ao ano – o centro da meta perseguida pelo BC. Apesar disso, o mercado continua cético e as projeções estão em um nível mais alto que o desejado pelo BC: os analistas projetam um índice de 5,40% no próximo ano. Colocar a inflação na meta seria possível apenas a partir de 2018. Mesmo em 2017, por mais próximo que o número fique da meta, não será possível bater os 4,5%. A expectativa dos analistas é de que se alcance uma taxa de 4,70%.

Mais matérias
desta edição