app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5730
Economia

Editais ter�o regras menos r�gidas

Brasília, DF – Os editais para os leilões de concessão de rodovias vão ter exigências flexibilizadas para atrair a participação de mais empresas, principalmente estrangeiras e de pequeno e médio porte. Empresas com sede fora do País não vão mais precisar

Por | Edição do dia 14/08/2015 - Matéria atualizada em 14/08/2015 às 00h00

Brasília, DF – Os editais para os leilões de concessão de rodovias vão ter exigências flexibilizadas para atrair a participação de mais empresas, principalmente estrangeiras e de pequeno e médio porte. Empresas com sede fora do País não vão mais precisar abrir uma subsidiária no Brasil para participar como líderes de consórcio. A exigência de documentação técnica também será menor, o que tende a atrair também empresas de menor porte. A intenção foi anunciada pelo Ministério dos Transportes ontem, após audiência pública na Câmara dos Deputados, na qual o ministro Antônio Carlos Rodrigues apresentou um panorama dos investimentos no setor. Segundo a secretária executiva do ministério, Natália Marcassa, a intenção do governo é aumentar o número de empresas participantes. O motivo apontado por Marcassa não é a crise criada pela Operação Lava-Jato, em que várias empreiteiras nacionais estão sendo investigadas pela prática de corrupção. “Era uma demanda de empresas estrangeiras que relatam em outros leilões dificuldades de entrar. Com o aumento das concessões, vamos precisar de novas empresas. [Antes] O mercado nacional dava conta. Hoje temos um conjunto de 16 rodovias e vamos precisar de mais empresas”, afirmou Marcassa. As mais importantes mudanças nos editas que estão sendo preparados, contudo, é nas exigências de investimentos que terão que ser realizados ao longo da concessão.

Mais matérias
desta edição