app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5735
Economia

AL reduz carga tribut�ria para empreendedores

O governador Renan Filho assinou ontem dois decretos que criam benefícios para pequenos e médios empresários. Um deles amplia em 42% o limite máximo de receita anual para que a empresa se enquadre no Simples Nacional, regime tributário diferenciado que dá

Por | Edição do dia 02/09/2015 - Matéria atualizada em 02/09/2015 às 00h00

O governador Renan Filho assinou ontem dois decretos que criam benefícios para pequenos e médios empresários. Um deles amplia em 42% o limite máximo de receita anual para que a empresa se enquadre no Simples Nacional, regime tributário diferenciado que dá facilidades aos estabelecimentos. Antes, para aderir ao Simples, o negócio tinha que faturar no máximo R$ 2,5 milhões ao ano. Agora o limite passa a ser de R$ 3,6 milhões, equiparado ao teto nacional. “Antes Alagoas era o piso [do Simples Nacional] do Brasil. Agora estamos no teto. Essa é uma medida de justiça tributária. É cobrar menos de quem pode pagar menos, e que pague mais quem pode pagar mais”, disse Renan Filho. O presidente da Associação Comercial de Maceió, Kennedy Calheiros, afirmou que esse era um pleito de dez anos atrás. “Isso é um marco. Hoje as micro e pequenas empresas são mais de 96% do que temos em Alagoas, gerando 52% dos postos de trabalho e sendo responsáveis por mais de 28% do PIB”, afirmou.

Mais matérias
desta edição