app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5735
Economia

Bolsa tem dia de alta e d�lar fecha a R$ 3,72

São Paulo, SP – A euforia no mercado financeiro brasileiro continuou ontem, com a deflagração da 24ª fase da Operação Lava Jato. O Ibovespa ganhou 4%, encerrando a semana em alta de 18,01%, o maior ganho semanal desde a semana encerrada em 31 de outubro d

Por | Edição do dia 05/03/2016 - Matéria atualizada em 05/03/2016 às 00h00

São Paulo, SP – A euforia no mercado financeiro brasileiro continuou ontem, com a deflagração da 24ª fase da Operação Lava Jato. O Ibovespa ganhou 4%, encerrando a semana em alta de 18,01%, o maior ganho semanal desde a semana encerrada em 31 de outubro de 2008, quando subiu 18,34%. O dólar à vista recuou para o patamar de R$ 3,72, e o CDS (credit default swap) brasileiro, uma espécie de seguro contra o calote da dívida do País, caiu 3,93%, para 415,733 pontos, a menor pontuação desde 9 de setembro de 2015. Desde quarta-feira (3), com as notícias de novas delações no âmbito da Lava Jato, do ex-presidente da OAS Léo Pinheiro e do senador Delcídio do Amaral (PT-MS), investidores passaram a apostar que aumentaram as chances de um possível impeachment da presidente Dilma Rousseff. Desde o início da semana, porém, o mercado doméstico já tinha um sentimento positivo, com a melhora do cenário externo. Ontem, o avanço do petróleo e do minério de ferro e dados fortes de emprego nos EUA também colaboraram para o otimismo doméstico. Após atingir a mínima de R$ 3,6554 durante o pregão, o dólar à vista fechou cotado a R$ 3,7274, em queda de 2,07%, no menor patamar desde 24 de novembro do ano passado (R$ 3,7005). Na semana, a moeda americana caiu 6,62%. Já o dólar comercial fechou em baixa de 1,10%, a R$ 3,7610, após ter alcançado a mínima de R$ 3,6560.

Mais matérias
desta edição