app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5710
Economia

Volta dos leil�es de animais aquece neg�cios na Pecu�ria

EDIVALDO JUNIOR Depois do recorde da Expoagro, quando chegaram a movimentar mais de R$ 1,2 milhão, os leilões de animais estão de volta e prometem movimentar a economia do setor durante a Expoleite, exposição que acontece de 3 a 7 de abril no Parque da P

Por | Edição do dia 24/03/2002 - Matéria atualizada em 24/03/2002 às 00h00

EDIVALDO JUNIOR Depois do recorde da Expoagro, quando chegaram a movimentar mais de R$ 1,2 milhão, os leilões de animais estão de volta e prometem movimentar a economia do setor durante a Expoleite, exposição que acontece de 3 a 7 de abril no Parque da Pecuária. Pelo menos dois remates já estão confirmados pelos organizadores. “No dia 6, teremos um grande leilão no Espace e no dia 7, vamos realizar um leilão de bezerros de corte na Pecuária”, adianta André Melo, diretor da Agreste Leilões, a leiloeira oficial dos remates. Com o aquecimento do preço do boi gordo, cuja arroba encerrou a semana valendo entre R$ 50 e R$ 52, Melo aposta no faturamento do leilão de Bezerros de Corte. Mas, em volume de negócios e de espetáculo, o grande remate será mesmo o Leilão 6 Estrelas. “Será uma grande festa e, mais do que isto uma grande oportunidade de negócios”, aponta. Organizado pelos Irmãos Barros Correa e Haras Alcatéia em conjunto com a GAZETA EVENTOS, o leilão acontece no Espace, no sábado, 6 de abril, a partir das 20h. O remate terá 50 lotes de animais “escolhidos a dedo”, sendo 20 lotes de cavalos mangalarga marchador, 20 lotes de bovinos nelore e dez lotes de ovinos santa inês e sorteará uma. “Todos os animais foram escolhidos pelos melhores criadores destas raças. São animais de alto padrão genético, campeões provados nas melhores exposições do País. Será um leilão para quebrar recordes e entrar na história”, promete o criador Mário Lobo, um dos organizadores. Lobo, que organizou o primeiro leilão do Haras Alcatéia, no Espace, ano passado, está otimista. Ele avalia que o momento é excelente para realizar o remate, principalmente porque o evento acontecerá na maior casa de shows do Nordeste. “O Espace é pé-quente em leilões de animais. Conseguimos realizar lá um dos maiores leilões do País de 2001 em termos de faturamento e este ano vamos repetir a dose”, aposta.

Mais matérias
desta edição