app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 0
Economia

HOTELARIA DE MACEIÓ TEM O 5º MAIOR ÍNDICE DE RESERVAS DO PAÍS

Segundo levantamento, capital concentra 3,09% das reservas feitas no site de hotelaria Omnibee

Por HEBERT BORGES* ESTAGIÁRIO | Edição do dia 18/09/2020 - Matéria atualizada em 17/09/2020 às 21h04

Levantamento feito pela plataforma de reservas de hotelaria Omnibees mostra que até o último dia 31 de agosto Maceió registrou o quinto maior índice de reservas de hotelaria do Brasil. A plataforma especializada reúne mais de 5.100 hotéis. Maceió é a segunda cidade nordestina mais bem posicionada no ranking, atrás somente de Ipojuca, no litoral pernambucano.

Segundo o levantamento, Maceió concentra 3,09% de todas as reservas feitas nos site. O primeiro lugar do ranking é ocupado por São Paulo, responsável por 8,12% das reservas da hotelaria brasileira.

De acordo com os números, entre 22 de março e 31 de agosto deste ano foram realizadas 10,6 milhões de pesquisas acerca da capital alagoana, o que corresponde a 3,12% de todas as pesquisas do site. O ranking é composto por 20 cidades que, segundo o levantamento, concentram 55,64% de todas as reservas geradas no Brasil pela plataforma Omnibees, além de 71,48% de todas as pesquisas por hotel.

Outro dado mensurado é a antecedência com que as pessoas fazem suas reservas em hotéis. Segundo os números, na última semana de agosto foi registrada a menor antecedência do ano nas reservas feitas para Maceió, 35 dias.

A maior antecedência registrada nas reservas para capital alagoana foi registrada na última semana de março, 153 dias. Belo Horizonte é a cidade que registrou a menor antecedência, 6,67 dias. Os gráficos mostram que, de forma geral, a antecedência entre a reserva e a hospedagem cresceu muito no início da pandemia, mas vem registrando queda semanalmente. Todavia, segundo o executivo da Omnibees Emanoel Lima, o principal indicador avaliado é o percentual de reservas atual em relação a semana de pico, que foi em 19 de janeiro esse ano. Esta é a semana em que houve mais reservas no ano corrente até o momento. Nesse quesito Maceió registrou em 31 de agosto um percentual de 69,27%. No Nordeste somente a cidade de Ipojuca registrou taxa maior do que Maceió, ficou com 76,98%. Em todo o País, cidades como Campos do Jordão (SP) e Mata de São João (BA) já geraram mais reservas que no período anterior à quarentena.

MOVIMENTAÇÃO

Os números da movimentação no Aeroporto Internacional Zumbi dos Palmares evidenciam a retomada do turismo. Dados da Aena, empresa administradora do terminal, mostram que o fluxo de passageiros no terminal cresceu 62,5% entre os meses de julho e agosto. Em números absolutos, cerca de 43 mil passageiros passaram pelo aeroporto alagoano no mês de agosto. Em julho, o número era pouco maior que 26 mil. Em abril, foram 7 mil pessoas. O número de voos diários seguem em recuperação. São 7 linhas diárias para São Paulo, Rio de Janeiro, Brasília e Salvador. Em março, antes da pandemia, o número era de 26 voos diários

ARQUIVO GA

Reservas de hotéis em Maceió são as mais procuradas do País, segundo levantamento
ARQUIVO GA Reservas de hotéis em Maceió são as mais procuradas do País, segundo levantamento - Foto: Divulgação
 



Mais matérias
desta edição