app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 0
Economia

BOLSONARO SANCIONA PERDÃO DE ATÉ 99% EM DÍVIDAS DO FIES

O presidente Jair Bolsonaro (PL) sancionou a medida provisória que prevê desconto de até 99% na renegociação de dívidas do Fies (Fundo de Financiamento Estudantil). O texto estabelece que estudantes inscritos no CadÚnico (Cadastro Único para Programas So

Por Folha de São Paulo | Edição do dia 23/06/2022 - Matéria atualizada em 22/06/2022 às 20h18

O presidente Jair Bolsonaro (PL) sancionou a medida provisória que prevê desconto de até 99% na renegociação de dívidas do Fies (Fundo de Financiamento Estudantil).

O texto estabelece que estudantes inscritos no CadÚnico (Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal) ou beneficiados pelo auxílio emergencial poderão receber o perdão máximo do valor devido. A medida foi editada pelo governo federal em dezembro de 2021 e aprovada pela Câmara e pelo Senado em maio deste ano. Com a sanção, a medida se torna lei definitiva.

A medida abrange créditos contratados com o Fies até o segundo semestre de 2017. O texto cria também um programa especial de regularização tributária das Santas Casas, os hospitais e as entidades beneficentes que atuem na área da saúde, que não estava previsto inicialmente e foi incluído pelo parlamento. Elas poderão regularizar suas situações com a Receita Federal ou a Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional.

O programa abrange débitos de natureza tributária e não tributária vencidos até 30 de abril deste ano, incluindo os que foram objeto de parcelamentos anteriores rescindidos ou ativos.

Para aderir será preciso fazer um requerimento até 60 dias após a publicação da lei. A dívida poderá ser paga em até ​120 parcelas.

Ao aderir, as entidades passam a ter o dever de pagar as parcelas dos débitos consolidados no parcelamento e dos débitos vencidos após 30 de abril de 2022, inscritos ou não em dívida ativa da União.

Mais matérias
desta edição