app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5710
Economia

PREÇO DO ETANOL VENDIDO EM AL TEM A MAIOR QUEDA DO NE

.

Por Carlos Nealdo | Edição do dia 05/11/2022 - Matéria atualizada em 05/11/2022 às 04h00

O preço do etanol vendido nos postos alagoanos encerrou o mês de outubro com a maior queda do Nordeste, na comparação com setembro, segundo levantamento divulgado nesta sexta-feira (4), pela Ticket Log — que disponibiliza ao mercado um índice nacional sobre a variação de preço dos combustíveis, levantado com base nos abastecimentos realizados nos 21 mil postos de todo o Brasil credenciados à marca. De acordo com os dados, na passagem de setembro para outubro, o preço do etanol nas bombas alagoanas registrou uma retração de 17,54%. Em média, o litro do combustível derivado da cana-de-açúcar foi comercializado no Estado por R$ 5,471. Apesar da retração, abastecer com etanol não é vantajoso em relação à gasolina. Segundo a Ticket Log, o etanol é o combustível economicamente mais viável para quem abastece na Bahia e na Paraíba, e a gasolina, para os demais Estados do Nordeste. Em média, o preço do etanol na região atingiu R$ 4,18 em outubro, com redução de 9,42% em relação ao mês anterior. No mesmo período, o preço do etanol também aumentou: 4,13% em São Paulo, 1,44% em Minas Gerais, 1,02% no Rio de Janeiro, 1,72% no Mato Grosso e 1,34% em Goiás. Fazendo as contas e considerando o consumo com etanol, que é cerca de 30% maior ante a gasolina, o combustível derivado da cana-de-açúcar hoje é a opção economicamente mais vantajosa em seis estados, contra quatro em setembro: além da Bahia e Paraíba, estão Mato Grosso, Goiás, Minas Gerais e São Paulo. "Por ser um combustível produzido a partir da cana-de-açúcar ou milho, o etanol é capaz de reduzir consideravelmente as emissões de gases responsáveis pelas mudanças climáticas. Por esse motivo, torna-se o combustível ecologicamente mais viável para abastecimento”, destaca Douglas Pina, diretor-geral de Mainstream da Divisão de Frota e Mobilidade da Edenred Brasil. Pina acrescenta que a cidade com o etanol mais em conta do País é Chapada dos Guimarães (MT), onde o litro é comercializado em média a R$ 3,175; já Ourilândia do Norte, no Pará, tem o etanol mais caro, vendido a R$ 5,980.

GASOLINA

O mês de outubro termina com o preço médio nacional da gasolina a R$ 5,24, com um recuo de 1,67% na comparação com setembro. Porém, após as quedas consecutivas no custo do combustível registradas em todo o Brasil desde julho, reflexo da redução na alíquota de ICMS e no preço nas refinarias, alguns estados já começam a registrar aumentos importantes: no Rio Grande do Norte, a gasolina encareceu 4,82%; na Bahia, a alta foi de 2,72%; e no Sergipe houve elevação de 1,64%.

Mais matérias
desta edição