app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5730
Economia

ANS pode cassar 144 planos de sa�de

| FOLHA ONLINE A Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) informou que 144 operadoras perderão o registro a partir da próxima semana porque deixaram de apresentar a documentação solicitada para manter a autorização de funcionamento. O prazo terminou n

Por | Edição do dia 28/12/2005 - Matéria atualizada em 28/12/2005 às 00h00

| FOLHA ONLINE A Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) informou que 144 operadoras perderão o registro a partir da próxima semana porque deixaram de apresentar a documentação solicitada para manter a autorização de funcionamento. O prazo terminou na última sexta-feira. Até ontem, a agência concluía o número de usuários atendidos por essas empresas. No total, segundo o último balanço divulgado, há cerca de 2.100 operadoras de planos de saúde ativas no país. Os clientes desses pacotes não poderão deixar de ser atendidos. O maior número de empresas que não regularizaram a situação está nas regiões Sul e Sudeste, sendo que a maioria oferece planos de odontologia e de medicina de grupo. São Paulo é o Estado com mais operadoras que não entregaram a documentação: 40. Na lista da ANS, o único plano de saúde de Alagoas que pode ser cassado é o da Policlínica São José. A lista completa pode ser encontrada na Internet (www.ans.gov.br). Segundo a ANS, cada uma das operadoras em situação irregular terá, a partir da próxima semana, um prazo para a transferência de sua carteira de consumidores para uma outra empresa com características parecidas – ou seja, para um tipo de plano semelhante com um preço compatível. O registro da operadora irregular será cancelado a partir do momento em que não tiver mais beneficiários sendo atendidos. Se a operadora não conseguir transferir sua carteira de usuários, a própria ANS fará uma oferta no mercado para tentar encontrar uma empresa interessada. Enquanto houver o processo de transferência, o usuário do plano tem de continuar sendo atendido. A lista de planos está na internet. O cliente será avisado quando houver uma nova empresa operando seu plano. Também podem ser tiradas dúvidas pelo telefone 0800-7019656. A ligação é gratuita. A ANS diz que a nova autorização visa elevar a qualidade da prestação dos serviços.

Mais matérias
desta edição