app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5731
Economia

BB tenta manter contas de servidor

| CARLOS ROBERTS Repórter O Banco do Brasil (BB) está investindo na manutenção das contas dos servidores públicos estaduais - independentemente da conta-salário - que devem migrar até o fim deste mês para agências da Caixa Econômica Federal (CEF), inst

Por | Edição do dia 22/03/2006 - Matéria atualizada em 22/03/2006 às 00h00

| CARLOS ROBERTS Repórter O Banco do Brasil (BB) está investindo na manutenção das contas dos servidores públicos estaduais - independentemente da conta-salário - que devem migrar até o fim deste mês para agências da Caixa Econômica Federal (CEF), instituição financeira que após licitação passou a ter exclusividade pelas contas-salário do funcionalismo público. De acordo com a assessoria de imprensa do Banco do Brasil, boa parte dos servidores participa de um programa de fidelidade implantado há algum tempo pelo banco. Ainda segundo a assessoria, o BB oferece benefícios aos servidores como isenção de tarifas de pacote de serviços, taxas especiais de juros, que variam de 1,75% a 2,95% para empréstimos com descontos em folha de pagamento. A expectativa da Caixa Econômica é abrir 18 mil novas contas-salário dos servidores estaduais até o fim deste mês. Para que não haja tumulto no dia do pagamento, a CEF pede que os funcionários do Estado procurem as agências antes do fim do mês. Espera-se abrir diariamente duas mil novas. Se as expectativas se confirmarem, até o dia 30, todos os 18 mil servidores estarão com o cartão das novas contas onde receberão seus salários. Na agência do Shopping Cidade, no bairro Farol, três funcionários foram treinados para receber os novos clientes. O atendimento é feito sempre após às 14h e o servidor precisa apresentar os documentos de identidade, CPF, comprovante de renda e residência. Para saber em qual agência deve se apresentar ou para mudar o agendamento, o servidor deve ligar para o número 0800-574-2112.

Mais matérias
desta edição