app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 0
Economia

“Ser� necess�rio cortar gastos”

| Nalu Fernandes Agência Estado “O Brasil não pode mais atingir superávit primário com aumento de imposto. Será necessário cortar gastos.” A afirmação é da diretora para ratings soberanos da agência de classificação de risco Standard & Poor’s, Lisa Schi

Por | Edição do dia 29/10/2006 - Matéria atualizada em 29/10/2006 às 00h00

| Nalu Fernandes Agência Estado “O Brasil não pode mais atingir superávit primário com aumento de imposto. Será necessário cortar gastos.” A afirmação é da diretora para ratings soberanos da agência de classificação de risco Standard & Poor’s, Lisa Schineller. “Independentemente do presidente eleito, a reforma da Previdência será chave neste esforço”, disse Lisa. “A reforma da Previdência será central para que o próximo governo brasileiro, independentemente de quem seja eleito, reduza a rigidez fiscal do País”, diz a analista. Lisa observa que “não é novo o aumento de gastos no Brasil”, mas afirma que é necessário um desenho melhor para que o País atravesse tempos de ambiente global de menor liquidez. ///

Mais matérias
desta edição