app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5756
Esportes

Lyra muda t�tica do CRB para enfrentar Sport

No treinamento final, amanhã pela manhã, o técnico José Arnaldo Lyra deve confirmar uma nova tática no time do CRB para o jogo de sábado à tarde, contra o Sport, na Ilha do Retiro, em Recife. A grande novidade é o esquema 3-5-2, que era o preferido do téc

Por | Edição do dia 03/10/2002 - Matéria atualizada em 03/10/2002 às 00h00

No treinamento final, amanhã pela manhã, o técnico José Arnaldo Lyra deve confirmar uma nova tática no time do CRB para o jogo de sábado à tarde, contra o Sport, na Ilha do Retiro, em Recife. A grande novidade é o esquema 3-5-2, que era o preferido do técnico, assim que foi contratado pelo CRB, e só agora será implantado, em vista principalmente dos desfalques e do tipo de partida que vai enfrentar. “Nossa equipe continua com problemas de um jogo para outro. Desta vez os problemas estão no ataque, pois só temos o Missinho em boas condições. Perdemos o Marquinhos pelo terceiro cartão amarelo, o Wagner continua machucado e o garoto que veio, o Binho, não parece estar em forma. Vamos fazer uma tentativa para que a equipe fique bem firme na defesa e tenha um ataque em condições de fazer gols. Não estamos temendo o Sport, mas vamos nos precaver em vista dos problemas”, afirmou Lyra. Novo esquema A solução encontrada pelo treinador, visando fortalecer a defesa e ter um ataque capaz de incomodar o adversário, será com a inclusão do zagueiro Bruno. Ele completará o terceiro zagueiro, no sistema 3-5-2, com Marciano saindo do meio-campo e passando a ser o segundo atacante, no lugar do artilheiro Marquinhos. Na prática, em comparação ao jogo diante do Fortaleza, será a substituição de um jogador por outro: Marquinhos, suspenso, cede seu lugar ao zagueiro Bruno. A outra mudança já era prevista: a volta de Belchior à lateral-esquerda, depois de cumprir suspensão automática. No treino final, amanhã, o time será confirmado, mas deve ser com Rafael; Tárcio, Gelásio e Bruno; Paulo Sales, Gilberto Gaúcho, Lau, Marcelinho e Belchior; Missinho e Marciano. Os novatos Romero (lateral) e Binho (atacante) devem ficar no banco. Ontem, o dirigente Darlan Brandão continuava reclamando da arbitragem do pernambucano Emerson Sobral,  que deixou de marcar um pênalti claro contra o Fortaleza quando a partida estava 1x1. “Não é a primeira vez que um árbitro vem de Pernambuco nos prejudicar coincidentemente quando equipes daquele Estado estão envolvidas na mesma competição. É um absurdo. Vamos ficar atentos  no árbitro que vai dirigir nosso  jogo contra o  Sport”, disse Brandão.

Mais matérias
desta edição