app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5714
Esportes

Advers�rio de Guga vir� do qualificat�rio

Paris (França) - Gustavo Kuerten ainda terá de esperar um pouco mais para conhecer seu primeiro adversário no Masters Series de Paris. Após sorteio realizado sexta-feira, ficou definido que o melhor tenista brasileiro enfrentará na estréia um jogador vind

Por | Edição do dia 27/10/2002 - Matéria atualizada em 27/10/2002 às 00h00

Paris (França) - Gustavo Kuerten ainda terá de esperar um pouco mais para conhecer seu primeiro adversário no Masters Series de Paris. Após sorteio realizado sexta-feira, ficou definido que o melhor tenista brasileiro enfrentará na estréia um jogador vindo do qualifying. Mas se deu sorte com seu primeiro adversário, Guga não pode vibrar muito com o resto da chave. Isso porque, caso avance à segunda rodada, já sabe que enfrentará o inglês Tim Henman, cabeça-de-chave número seis do torneio francês e grande nome nas quadras rápidas. Pior que a eficiência do inglês nas quadras rápidas é seu desempenho no confronto direto com Guga. Até hoje, em cinco jogos disputados, ele venceu três, incluindo o último no Masters Series de Cincinnati deste ano, por 6/3 e 6/4. O Masters Series de Paris é o último torneio de Guga na temporada. Na seqüência, ele volta ao Brasil para jogar o Desafio contra a Argentina, nos dias 5, 6 e 7 de novembro, e aí sim encerra o ano. No ano passado, Guga chegou à competição ainda como número um do mundo, mas com uma série de cinco derrotas seguidas. Encerrou o jejum ao bater Bohdan Ulihrach na estréia, mas caiu na segunda diante do holandês Sjeng Schalken. Este será o terceiro torneio em quadras de carpete que Guga disputa no ano. No primeiro deles fez bonito e acabou com o vice-campeonato em Lyon. Na semana passada, cansado após maratona de jogos, acabou derrotado logo na estréia do Masters Series de Madri pelo tailandês Paradorn Srichaphan.

Mais matérias
desta edição