app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 0
Esportes

F-1: tempos dif�ceis para controle de custos

A Fórmula 1 terá de manter seus crescentes custos sob controle para ajudar as equipes que enfrentam dificuldades em meio a duras circunstâncias econômicas, mesmo considerando que falar em crise iminente não seja algo muito adequado, concordam os dirigente

Por | Edição do dia 10/02/2013 - Matéria atualizada em 10/02/2013 às 00h00

A Fórmula 1 terá de manter seus crescentes custos sob controle para ajudar as equipes que enfrentam dificuldades em meio a duras circunstâncias econômicas, mesmo considerando que falar em crise iminente não seja algo muito adequado, concordam os dirigentes. O anúncio do fim da equipe HRT, da Espanha, no final da última temporada, foi motivado tanto pelos problemas econômicos do país de origem como por sua falta de sucesso nas pistas, mas ainda assim lançou sinais de alerta. “O que se ouve é que muitas equipes estão enfrentando uma situação financeira desafiadora, algumas mais, outras menos”, disse à Reuters o diretor da Sauber, Monisha Kaltenborn, durante os primeiros testes de pré-temporada desta semana, em Jerez, na Espanha. “É preciso que se reaja de alguma forma ou de outra para obter custos mais baixos porque ainda estamos em um nível em que, talvez, se houver alguma forma de adaptação, seja possível ter mais equipes (na competição)”, acrescentou.

Mais matérias
desta edição