app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 0
Esportes

PM quer uma torcida s� em cl�ssico

Os clássicos entre os times alagoanos (CSA, CRB e ASA) podem estar perto de seguir o modelo de Minas Gerais. Por lá, há algum tempo – como medida radical contra a violência entre torcedores organizados de Atlético e Cruzeiro –, a Justiça conseguiu que, em

Por | Edição do dia 20/03/2013 - Matéria atualizada em 20/03/2013 às 00h00

Os clássicos entre os times alagoanos (CSA, CRB e ASA) podem estar perto de seguir o modelo de Minas Gerais. Por lá, há algum tempo – como medida radical contra a violência entre torcedores organizados de Atlético e Cruzeiro –, a Justiça conseguiu que, em cada duelo, apenas uma torcida entre no estádio. Como em Alagoas a coisa não está muito diferente, ontem, o Comando do Policiamento do 3° Batalhão em Arapiraca, com apoio do Ministério Público, por meio da Promotoria Especializada do Consumidor da cidade, decidiu levar amanhã a proposta para que, sábado, no jogo entre ASA x CRB, apenas uma torcida entre uniformizada no Estádio Coaracy da Mata Fonseca. A reunião que decidirá a questão ocorrerá em Maceió, amanhã, na sede do MP, às 10 horas. “A proposta procede e vamos levá-la para o encontro em Maceió, junto com a Polícia, a Federação Alagoana e todos os envolvidos no espetáculo”, confirmou à Gazeta ontem o promotor Saulo Ventura, da Promotoria Especializada do Consumidor que responde por Arapiraca. “Isso está em nível de sugestão até que sejam instalados os juizados nos estádios de futebol, como ocorre em Pernambuco”, completou Ventura.

Mais matérias
desta edição