app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5718
Esportes

Atl�tico-PR enfrenta Am�rica �de Cali na Arena da Baixada

São Paulo - O Atlético-PR vai atrás de sua primeira vitória na  Copa Libertadores hoje, às 19h30,  quando recebe o América de Cali na Arena da Baixada. Lanterna do  Grupo 4, sem nenhum ponto ganho, o Furacão precisa da vitória para seguir na luta por um l

Por | Edição do dia 27/02/2002 - Matéria atualizada em 27/02/2002 às 00h00

São Paulo - O Atlético-PR vai atrás de sua primeira vitória na  Copa Libertadores hoje, às 19h30,  quando recebe o América de Cali na Arena da Baixada. Lanterna do  Grupo 4, sem nenhum ponto ganho, o Furacão precisa da vitória para seguir na luta por um lugar na segunda fase. Duas serão as armas rubro-negras para conseguir os três pontos em casa e diminuir os riscos de uma eliminação sumária. A primeira delas é a vitória por 2 x 0 contra o rival Coritiba, pela Copa Sul-Minas, no domingo, resultado que devolveu a confiança à equipe e deixou mais distante a crise que ameaçava se instalar na Baixada. A outra, bem mais significativa, é o retorno ao time do zagueiro e capitão Nem, que está liberado para estrear nesta temporada após algumas brigas judiciais com o São Paulo, seu ex-clube, e depois de se recuperar de uma cirurgia para remoção de um pino no joelho. Outros importantes reforços são os alas Alessandro e Fabiano, que voltam após cumprir suspensão no Atletiba. O atacante Kléber, ao contrário, levou uma pancada no joelho no último jogo e é dúvida. Se o Departamento Médico constatar que ele não tem condições de ir a campo, Ilan formará dupla com Alex Mineiro. O América de Cali está em Curitiba desde o dia 21, mas o tempo não foi suficiente para o técnico Jaime de la Pava definir a equipe. Sem poder contar com o volante Vargas, suspenso pela expulsão contra o Bolivar, ele ainda não sabe se o substitui por outro volante, por um meia ofensivo ou por um atacante. Se a opção for por um jogador do mesmo setor, o volante Vir-viescas e o meia Romero são os mais fortes candidatos a entrar e manter o esquema 4-5-1 utilizado na Bolívia. Caso o técnico opte por uma formação mais ofensiva, que é mais provável, o atacante Vargas entra e a equipe passa a atuar no 4-4-2. Atlético-PR: Flávio; Gustavo, Nem e Rogério Corrêa; Alessandro,  Cocito, Kléberson, Adriano e Fabiano; Alex Mineiro e Kléber (Ilan). América de Cali: Barbat; Maziri, Cano, Luis Asprilla e Tierradentro; Zuluaga, Mafla, Ferreira e  Banguero; Vásquez (Virviescas ou  Romero) e Moreno.

Mais matérias
desta edição