app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5691
Esportes

MP indicia torcidas de Palmeiras e Santos

O Ministério Público de São Paulo instaurou um inquérito civil e indiciou as torcidas organizadas Mancha Alviverde e Jovem, do Palmeiras e do Santos, respectivamente, por causa da briga que terminou com um torcedor morto, domingo, na rodovia Anchieta, na

Por | Edição do dia 22/10/2014 - Matéria atualizada em 22/10/2014 às 00h00

O Ministério Público de São Paulo instaurou um inquérito civil e indiciou as torcidas organizadas Mancha Alviverde e Jovem, do Palmeiras e do Santos, respectivamente, por causa da briga que terminou com um torcedor morto, domingo, na rodovia Anchieta, na Grande São Paulo. O confronto foi realizado horas antes do clássico vencido pelo time alvinegro por 3 a 1 no Pacaembu. De acordo com o jornal Folha de S.Paulo, as organizadas terão de se manifestar dentro de um prazo de 20 dias. A apuração do órgão é para investigar se os torcedores que participaram da confusão têm relação com as torcidas. Se ficar comprovada a responsabilidade de torcedores dessa duas organizadas, o MP cobrará uma multa de R$ 30 mil, prevista em um TAC (Termo de Ajustamento de Conduta) assinado em 2011, e poderá pedir também o banimento dessas organizações. No domingo, torcedores do Palmeiras preparam uma emboscada a santistas que se dirigiam a São Paulo de ônibus para o clássico. Eles bloquearam uma das pistas da rodovia e atacaram os veículos com pedras e paus. Durante a briga, o palmeirense Leonardo da Mata Santos, 21, foi atropelado e morto.

Mais matérias
desta edição