app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5756
Esportes

Sele��o Brasileira vive crise t�cnica na zaga antes da Copa

São Paulo - Roque Júnior, Lúcio, Edmílson e Ânderson Polga. Eis os zagueiros convocados  pelo técnico Luiz Felipe Scolari para o amistoso da Seleção Brasileira, quarta-feira, em Fortaleza, contra a Iugoslávia. São estes quatro e talvez reforçados por Cris

Por | Edição do dia 24/03/2002 - Matéria atualizada em 24/03/2002 às 00h00

São Paulo - Roque Júnior, Lúcio, Edmílson e Ânderson Polga. Eis os zagueiros convocados  pelo técnico Luiz Felipe Scolari para o amistoso da Seleção Brasileira, quarta-feira, em Fortaleza, contra a Iugoslávia. São estes quatro e talvez reforçados por Cris, que devem também integrar a zaga do Brasil na Copa. A favor deles pesa a confiança do treinador. Contra, pesa a má fase de alguns e a inexperiência internacional de outros. Para Ânderson Polga, o maior obstáculo para que a zaga da Seleção demonstre segurança a caia nas graças da torcida é o desentrosamento. O jogador do Grêmio acredita que a familiaridade ideal com o esquema de três zagueiros, implantado por Felipão, acontecerá no período de treinos para a Copa do Mundo. Mesmo na berlinda, a defesa da Seleção Brasileira segue prestigiada por Felipão. O esquema com três zagueiros marcará o perfil tático do Brasil na Copa. O treinador da Seleção também já tornou pública a decisão de que a braçadeira de capitão pertencerá no Mundial a um jogador de defesa. Ex-atleta do treinador no Palmeiras, Roque Júnior desponta como o possível eleito. Roque Júnior vem atuando como titular do Milan esporadicamente. Na Alemanha, outro zagueiro brasileiro enfrenta um período complicado. Antes badalado, Lúcio agora carrega nas costas duras críticas da imprensa local. Depois do primeiro ano repleto de grandes atuações, o ex-jogador do Internacional apresenta altos e baixos na atual temporada. Edmílson é dos zagueiros convocados por Felipão, o que vem apresentando maior regularidade na atual temporada européia. A equipe do ex-são-paulino, o Olympique Lyon, é a segunda colocada no Campeonato Francês. Os zagueiros da Seleção que atuam no Brasil também não vivem bons momentos em seus respectivos clubes. A única exceção é o gremista Ânderson Polga, que foi bem nos três amistosos do time de Luiz Felipe Scolari no ano. Situação oposta vive o flamenguista Juan. Celebrado pelas boas atuações na fase final das Eliminatórias, o zagueiro enfrenta atualmente severas críticas. Em queda livre também estão as chances de Cris participar do Mundial. Depois do gol contra na derrota para a Argentina, em 2001, o cruzeirense ficou marcado pela torcida brasileira.

Mais matérias
desta edição