app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5712
Esportes

Murici defende lideran�a do Alagoano em Matriz

Além de a vitória ser importante para melhorar sua colocação na tabela do primeiro turno do Estadual-2002, o Bom Jesus tem também o objetivo de derrubar o líder do torneio, o Murici, maior candidato até agora para chegar em primeiro. O técnico Coca gara

Por | Edição do dia 24/03/2002 - Matéria atualizada em 24/03/2002 às 00h00

Além de a vitória ser importante para melhorar sua colocação na tabela do primeiro turno do Estadual-2002, o Bom Jesus tem também o objetivo de derrubar o líder do torneio, o Murici, maior candidato até agora para chegar em primeiro. O técnico Coca garante o Bom Jesus totalmente no ataque, sem qualquer temor da força do adversário. “Nós precisamos vencer e vamos buscar o resultado. Na situação em que estamos não podemos pensar em cautela. É só ataque”, garantiu o treinador. A defesa ganha o reforço do lateral-direito Val, que ficou fora da partida diante do Corinthians por se encontrar suspenso. O Bom Jesus deve jogar com Lula; Val, Mário, Henrique e Ivan; Marcos Alagoano, Musurica, Marcos Pernambucano e Pêra; Mimi e Douglas. O Murici, que está alcançando vitória até fora de casa, promete surpreender o Bom Jesus. O técnico Ênio Oliveira não quis falar da sua proposta tática para este jogo, mas deixou entender que primeiro a equipe vai tentar não perder, para depois pensar em ganhar. Ele alegou problemas médicos em alguns jogadores para não antecipar a formação do Murici, que tem o meia e experiente Otávio, ex-CSA, como o principal destaque. Capela (10 pontos) e Corinthians (9) fazem um jogo muito decisivo neste domingo, no Manoel Moreira, em Capela. Só a vitória interessa aos dois, pois até mesmo o empate será um resultado ruim, principalmente se o Murici (líder, com 13 pontos), conseguir ganhar do Bom Jesus, também neste domingo, em Matriz do Camaragibe. Depois da rodada deste domingo, ficarão faltando apenas três jogos para cada um e ao final o campeão do primeiro turno, garantindo participação na decisão do Estadual-2002. Formação No Capela, o técnico Adeildo Napoluceno deve repetir a mesma formação que perdeu para o Penedense, considerando que o time foi bem mesmo sendo derrotado. O time deve ser com Filho; Adriano, Etevaldo, Cal e Gérson; Moreno, Aldo, Fabinho e Zilmar; Alex e Juninho. Pelo lado do Corinthians, o treinador Eduardo Neto vai mexer na formação. No empate de 2x2 com o Bom Jesus, o ataque melhorou quando Roberto Silva substituiu Valério. Esta deve ser a única modificação e a equipe deve ser com Marcelo; Toni, Marco Antônio, Jefferson e Almir; Édson Baiano, Wênio, Mateus e Ailton; Luciano Rosa e Roberto Silva.

Mais matérias
desta edição